Dia a dia

Famílias da Zona Rural recebem ações da prefeitura para minimizar impactos da enchente

 A ação nestas áreas faz parte das estratégias da Prefeitura de Manaus para minimizar os impactos da cheia dos rios às famílias. - foto: divulgação


A ação nestas áreas faz parte das estratégias da Prefeitura de Manaus para minimizar os impactos da cheia dos rios às famílias. – foto: divulgação

A Defesa Civil de Manaus está construindo marombas nos postos de saúde das comunidades Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e Nossa Senhora do Carmo, na zona rural, para evitar que o atendimento nestes espaços seja suspenso com o aumento do nível do rio. Nesta terça-feira (19), o Rio Negro atingiu a cota de 28,97 metros.

A ação nestas áreas faz parte das estratégias da Prefeitura de Manaus para minimizar os impactos da cheia dos rios às famílias.

Dentro das ações da prefeitura também está o acompanhamento e levantamento, por meio da Defesa Civil, da situação socioeconômica das famílias. Os dados serão repassados à Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh) para visita domiciliar, análise de cada caso, e posterior distribuição de itens como cestas básicas, colchão e água potável, dependendo da situação encontrada.

Na zona rural, as aulas nas comunidades Nossa Senhora da Conceição do Jatuarana, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e Nova Cesaréa foram transferidas para centros comunitários das respectivas localidades.

Levantamento de técnicos da Defesa Civil de Manaus mostra que 12 comunidades rurais e mais de mil famílias devem ser afetadas com a subida das águas. Moradores de algumas localidades já começaram a transferir os imóveis para regiões mais altas. Em algumas comunidades, há prejuízos nas plantações de mandioca, maracujá e jerimum, já submersas.

Já foram atingidas pela cheia do Rio Negro as comunidades Nossa Senhora da Conceição do Jatuarana, União e Progresso, São Francisco do Tabocal, São Raimundo, Assentamento Nazaré, São Pedro, Bom Sucesso, Santa Rosa, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Canaã, Nossa Senhora do Carmo e Nova Cesaréa.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir