Cultura

Exposição de estátuas de cera estreia em Manaus

 Entre as estátuas, a mais badalada é a de Jack Sparrow, personagem de cinema interpretado por Johnny Depp- foto: divulgação


Entre as estátuas, a mais badalada é a de Jack Sparrow, personagem de cinema interpretado por Johnny Depp- foto: divulgação

Primeiro museu de cera da América Latina, com unidades em Gramado (RS) e Foz do Iguaçu (PR), o Dreamland Museu de Cera promoverá, em Manaus, uma exposição com 40 peças de celebridades internacionais. A mostra está prevista para iniciar no dia 8 de fevereiro, no Manauara Shopping, Zona Centro Sul de Manaus.

O curador do evento, João Paulo Silva, diz que as esculturas devem ficar em Manaus por, aproximadamente, 45 dias. Dependendo da aceitação do público, o prazo pode ser ampliado. Essa é a segunda vez que a exposição é realizada na Região Norte e a primeira em Manaus. “Levamos nossa exposição para Belém (PA), no ano passado, e foi um sucesso absoluto. Chegamos a ficar três meses na capital paraense. Esperamos ansiosamente ser bem recebidos e que o público de Manaus goste e curta a mostra. É um acervo bem eclético e que toda a família pode aproveitar”, explica João Paulo.

Ainda conforme o curador, a exposição irá trazer 40 peças de celebridades internacionais, todas em tamanho natural, entre elas a imagem do cantor Michael Jackson; do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama; Albert Einstein e do Papa João Paulo II. A estátua de maior “baladação” é a do pirata Jack Sparrow, protagonista do filme “Piratas do Caribe”.

“O capitão Jack Sparrow, interpretado pelo ator Johnny Depp, é a estátua mais badalada, mas teremos também personalidades históricas, políticas e religiosas, astros da música e outras celebridades de Hollywood, todas trabalhadas com muito cuidado para que fiquem o mais próximo da realidade possível”, completa o curador.

O preço do ingresso será de R$ 16 e R$ 26, de acordo com o dia da semana. Segundo Paulo, grupos formados por três ou mais pessoas pagam metade do valor, desde que adquiram os ingressos e entrem juntas durante a visitação da exposição. Para a compra do ingresso, é necessário apresentar documento de identidade na entrada da mostra. Os pontos de venda físicos de ingressos têm início na próxima quinta-feira (28), no Manauara Shopping.

Detalhes

As cópias, que são produzidas em ateliês da Europa, impressionam e comovem pela grande quantidade de detalhes. Cada peça leva de seis meses a 1 ano para ser produzida e, aproximadamente 30 artesãos especialistas em várias áreas vão dando forma a cada escultura. Exemplo disso são os cabelos, que demoram até 40 dias para serem implantados na cabeça das réplicas. No interior do museu é permitido fotografar e filmar, desde que o isolamento dos cenários seja respeitado.

O Dreamland Museu de Cera é o pioneiro na América Latina com esta opção de entretenimento e conta com três unidades fixas no Brasil e uma unidade no exterior. A primeira, localizada na Serra Gaúcha, em Gramado, no Rio Grande do Sul, foi aberta ao público em dezembro de 2009, e hoje é a principal atração da região.

A unidade em Foz do Iguaçu (PR), segunda cidade brasileira contemplada com o projeto, é considerada o maior museu de cera da América do Sul, com acervo superior a cem peças e que se destaca por sua imponente arquitetura.

A primeira unidade no exterior está localizada em Cancún, México. Em junho, o Dreamland Museu de Cera abrirá a sua primeira unidade nos Estados Unidos, na cidade de Boston. O público está realmente animado.

Para a estudante universitária Laila Lopes, 24, a exposição das peças de cera promete atrair um grande público. “Você só conhece esse tipo de exposição se viajar para fora do Amazonas. No Sul do país, tem em Gramado e, nos Estados Unidos, em Orlando (FL). Aqui em Manaus, como é uma exposição diferente do que estamos acostumadas a ver, com certeza será muito bem apreciada”, aposta a jovem.

Por Luis Henrique Oliveira

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir