Holofotes

Ex da atriz Luiza Brunet vira réu sob acusação de violência doméstica

O caso está com a juíza Lilian Lage, no fórum da Barra Funda, zona oeste de São Paulo  - foto: divulgação

O caso está com a juíza Lilian Lage, no fórum da Barra Funda, Zona Oeste de São Paulo – foto: divulgação

A Justiça paulista aceitou denúncia do Ministério Público e transformou o empresário Lírio Parisotto, 62, em réu pela acusação de agredir a ex-companheira Luiza Brunet, 54.

A denúncia diz que a ex-modelo foi agredida por Parisotto em pelo menos duas ocasiões: em dezembro de 2015, no Brasil, quando o empresário teria quebrado um dedo de Luiza, e em maio deste ano, em Nova York (EUA), quando ela teve suas costelas quebradas.

A informação foi confirmada pelo promotor Carlos Bruno Gaya da Costa, que ofereceu denúncia na última semana. O caso está com a juíza Lilian Lage, no fórum da Barra Funda, zona oeste de São Paulo.

Parisotto vai ser citado para apresentar uma resposta em dez dias e, só depois disso, as audiências serão marcadas. O caso corre em segredo de Justiça.

Após a atriz prestar queixa no Ministério Público de São Paulo, a Justiça decretou medidas de proteção. Parisotto está proibido de se aproximar de Luiza e de manter contato com ela por qualquer meio, segundo o promotor.

A reportagem não conseguiu contatar o advogado de Parisotto, Celso Sanchez Vilardi, para comentar o processo.

No dia 25 de maio, Luiza publicou uma foto em seu Instagram com a legenda: “A maquiagem forte esconde o hematoma da alma”. Duas semanas depois ela postou uma nova foto, desta vez o de uma mulher com hematomas no rosto, com a legenda: “Esta é a clássica foto sofrida por muitas mulheres no Brasil. Não tenha medo de fazer denúncia 180”, em referência ao telefone do serviço de atendimento à mulher do governo federal.

Luiza apresentou queixa ao GEVID (Grupo de Atuação Especial de Enfrentamento à Violência Doméstica), do Ministério Público de São Paulo. O empresário Lírio Parisotto prestou depoimento à Promotoria no dia 14, quando negou as agressões. Depois, afirmou que ele foi agredido por Luiza Brunet -que nega.

Nesta quarta (27), o empresário fez uma postagem em seu perfil no Instagram novamente negando a agressão.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir