Dia a dia

Estratégias integradas reduzem casos de homicídios no AM, diz SSP

Sérgio Fontes destacou como fundamental a integração dos órgãos do Sistema de Segurança para redução dos casos de homicídio no Amazonas - foto: divulgação

Sérgio Fontes destacou como fundamental a integração dos órgãos do Sistema de Segurança para redução dos casos de homicídio no Amazonas – foto: divulgação

Nos primeiros oito meses do ano 2016, os homicídios no Amazonas caíram 27,7% comparado ao mesmo período em 2015. Nesse período, foram registrados 643 homicídios, enquanto que de janeiro a agosto de 2015 foram 891 casos. O maior impacto foi no interior do Estado: foram 244 crimes contra a vida entre janeiro e agosto de 2015, e 140 casos em 2016, registrando uma redução de 42,6%.

“A atuação integrada dos órgãos do Sistema de Segurança tem sido fundamental para desacelerar e diminuir os índices que só cresciam até 2015. A Polícia Militar tem atuado com operações específicas nos bairros onde há maior registro de homicídios e a Polícia Civil aumentou a prisões de homicidas, com reforço do Departamento de Polícia Técnico-Científica que melhorou os protocolos para atender local de crime, e os demais órgãos atuando nas ações de prevenção”, disse Sérgio Fontes, titular da Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

As mortes por armas de fogo também registraram queda este ano. Com um total de 292 mortes dessa natureza, o ano de 2016 apresentou queda em 25%.

Estratégias integradas

A SSP-AM iniciou, no ano passado, uma política de combate aos crimes contra a vida, com estratégias integradas com os demais órgãos do Sistema, as polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Departamento de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) e Departamento de Polícia Técnico-Cientifica (DPTC). O tráfico de drogas, principal fomentador desses crimes, foi o alvo inicial das ações de Segurança, com apreensão recorde, em 2015, de 11 toneladas de drogas, o que impactou diretamente o crime organizado.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir