Política

“Estou aprendendo a andar e a falar”, diz Praciano após sair da UTI

o ex-deputado federal Francisco Praciano (PT) disse ao EM TEMPO, por telefone, que esteve “do outro lado da vida”, mas voltou - foto: arquivo pessoal

o ex-deputado federal Francisco Praciano (PT) disse ao EM TEMPO, por telefone, que esteve “do outro lado da vida”, mas voltou – foto: arquivo pessoal

Depois de 38 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), o  ex-deputado federal Francisco Praciano (PT) disse ao EM TEMPO, por telefone, que esteve “do outro lado da  vida”, mas voltou. “Acho que o Homem lá de cima ainda não me quer”, brincou o petista, que hoje mora no interior do Ceará e vive do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Praciano teve uma pneumonia galopante, que desencadeou outras através  da doença, sendo necessários procedimentos cirúrgicos. No último sábado, em mais de meia hora de telefonema, o ex-deputado disse que retornou à vida como se estivesse começando tudo de novo.

— Estou aprendendo novamente a falar e a andar –, disse ele, que também mandou um vídeo onde aparece ensaiando os primeiros passos, ao lado da mulher Socorro Praciano, a Loló.

Praciano está desde o dia 07 de março em tratamento. Sendo que os primeiros 38 dias passou na UTI do hospital São Carlos, em Fortaleza.

Teve de fazer diálise e uma traqueostomia e teve escaras –  feridas que aparecem na pele de indivíduos que permanecem muito tempo na mesma posição ,–  na cabeça, nádegas e na perna direita.

Com a inatividade , atrofiou as pernas e não pode mais se locomover.  Chegou a usar cadeiras de rodas e andador, mas, “agora já consegue por conta de uma fisioterapia pesada, andar amparado por pessoas”, contou o assessor Jorge Chaves, secretário do ex-deputado que se autointitula “fiel escudeiro”.

No dia em que Praciano saiu da UTI foi uma grande festa entre os amigos do Ceará. Teve versos de repentistas com seu nome e músicas ao som de violão e atabaque na casa da praia.  “Amigo Praça é muito firme/ realmente muito forte/ tem as fibras do nordeste/ reforçadas ao sol do  Norte” , disse um dos cantadores.

Há um mês, Praciano continua o tratamento em domicílio (Home Care ). Faz fisioterapia pulmonar (diária, de segunda a sexta) fisioterapia motora (três vezes semanal, segunda ,quarta e sexta) e fonoaudiologia com exercícios diários. Também faz a estomatologista para tratar da escara que resta na perna direita

Ao EM TEMPO, Praça disse que resolveu ir embora de Manaus, “ terra que amo e escolhi pra viver” , porque perdeu a eleição e não tinha mais como sobreviver em Manaus sem salário. Foi obrigado a vender a casa e retornar para Itapipoca (a 148 Km de Fortaleza) , onde tem uma casa na Praia da Baleia.

— Ao perder a eleição não tinha como viver em Manaus. Sempre trabalhei e não teria coragem de viver de favores. Mas vou me recuperar e voltar, porque Manaus é a cidade que amo e da qual morro de saudades – contou o Praciano.

Segundo o ex-parlamentar, para complicar ainda mais a situação, a Câmara Municipal de Manaus, onde Praça foi vereador por quatro mandatos consecutivos,  não recolheu o INSS de 2004 a 2006.

— Não era obrigatório e ficou essa lacuna para contar no tempo de aposentadoria. Mas espero que  já tenham  tomado as providências –, diz, esperançoso.

Praciano encerrou a entrevista dizendo que está lutando para se recuperar o mais rápido possível, pois ainda pretende contribuir com o PT – “se o PT me quiser”–, com sua candidatura para 2018 para a Câmara Federal ou Senado.

— A previsão é que, em dois meses,  o velho Praça esteja restabelecido, sem sequelas. Vamos rezar – diz Jorge Chaves.

Por Mário Adolfo

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir