barra portal

Classificados

emprego botao
imoveis botao
Classitempo anuncie grátis

São Raimundo se livra e manda Sul-América para a Série B

Gol de honra só saiu aos 30 minutos do segundo tempo – foto: Alberto César Araújo

 

O confronto que definiu a segunda equipe que vai jogar a segunda divisão do Campeonato Amazonense foi um verdadeiro suspense. Sul América e São Raimundo fizeram uma partida decisiva, na tarde de ontem, no estádio de Sesi, na Zona Leste, de verdadeiro martírio para os pouco mais de 230 presentes que viram o clássico Galo Preto repleto de passes errados e de finalizações imprecisas. Um empate por qualquer placar rebaixaria as duas equipes.

 


O único gol de Célio Silva, o Mata-Boi, aos 30 minutos do segundo tempo, foi a salvação do Tufão. Com a derrota, o Trem da Colina vai jogar a Série B de 2015 ao lado do Holanda, que ainda esperava um empate para não ser rebaixado.


Abatido com o rebaixamento, o técnico do Sul-América, Oscar Conrado, foi consciente com o resultado em campo. “Foi um jogo difícil. Os jogadores deram muito de sim, apenas faltou o gol”, disse.


Num forte calor os jogadores não pouparam esforços em busca de abrir o placar. Apenas corriam, faltava qualidade técnica aos atacantes deixando o jogo “amarrado” no meio de campo. Com a missão de marcar os gols do Sulão, o atacante Jackson Baiano esbarrava na falta de criação, finalização e o cansaço.

 

Pelo lado do Tricampeão do Norte, a mesma situação era criada, mas os lances de gols paravam na zaga adversária.


Em um dos poucos momentos de ataque, aos 33 minutos, o William por pouco não abriu o marcador para o Sulão. No lance de escanteio, e sem marcação, o jogador subiu mais alto e mandou a bola no peito do goleiro Juli.


O São Raimundo chegava a grande área com o atacante Clailson, mas sem resultar em boa finalizações.Com um placar desfavorável, o time da Colina partiu para o ataque no segundo tempo. E logo aos 5 minutos, o São Raimundo sofreu pênalti.

 

O zagueiro Bruno atropelou o atacante Clailson na área. Na cobrança, o jogador mandou a bola na trave esquerda, o que gerou mais apreensão por parte dos torcedores.


Sem poder de ataque, o Trem ainda tentava entrar na área do adversário. Sem sucesso. Aos 30, Célio Silva, o Mata-Boi, que entrou no lugar de Clailson, avançou pela esquerda, invadiu a grande área a mandou para as redes para fazer o gol da permanência do São Raimundo na elite do futebol Baré.


Ao final da partida os jogadores e torcida promoveram uma grande festa no campo de jogo. Uma pequena confusão ocorreu não saída do vestiário da equipe sul-americana. O goleiro Nilson foi acusado de empurrar à assistente Eliene Negreiros.

Pesquisar no site

Rádio EM TEMPO

Videorreportagem Agora

Entrevistas

DMC Firewall is a Joomla Security extension!