Mundo

Equipes chinesas desviram o Estrela do Ocidente

Com o auxílio de dois guindastes de 500 toneladas cada, autoridades da China conseguiram desvirar na manhã desta sexta-feira (5), no horário local, o navio Estrela do Oriente, que naufragou no rio Yangtze na noite de segunda-feira (1º), com 456 pessoas a bordo.

As cabines do alto da embarcação ficaram fora da água após o navio voltar a ficar na posição vertical.

As equipes disseram, porém, que tentariam fazer o barco flutuar, mas que a grande quantidade de água no navio o torna muito pesado.

A operação de endireitamento do navio começou na tarde desta quinta-feira.

A atenção agora será dada à recuperação dos corpos, já que mesmo antes de desvirar o barco o governo chinês tinha poucas esperanças de encontrar sobreviventes.

 

Por Folha Press

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir