Política em Foco

Equilíbrio em tempos de crise

Ontem, durante reunião com empresários e representantes da Câmara dos Dirigentes e Lojistas de Manaus (CDL-Manaus), o governador José Melo (Pros) garantiu que, mesmo em tempos de crise, manterá o equilíbrio da máquina administrativa para não deixar que a população padeça com a falta de serviços básicos. Leia-se: segurança e educação.

Usar a Amazônia para atrair investimentos

E para garantir investimentos em tempos de economia difícil, a estratégia do governador é utilizar a Amazônia para atrair investidores internacionais. Até o fim de 2015, Melo recebeu mais de 70 grupos de empresários que possuem interesse em investir em novos projetos, principalmente na matriz econômica sustentável, com medidas que viabilizam oportunidades de negócios e mecanismos para gerar avanço nas pesquisas científicas e na inovação biotecnológica. Se tudo der certo, os recursos naturais auxiliarão o Estado a sair da crise.

Empréstimos

Enquanto isso, como todo o brasileiro com poucos recursos, o governo tem tido de recorrer aos empréstimos para garantir obras e investimentos em infraestrutura.

In memoriam

Política a parte, ontem, o governador inaugurou o Centro de Educação Integral (Ceti) Washington Luís Régis da Silva, em Manacapuru, em homenagem ao ex-deputado estadual e ex-prefeito do município, Washington Régis, que morreu ano passado. Régis era filiado ao PMDB, partido político contrário ao governo do Estado, mas tinha o respeito de José Melo.

Os ‘Souza’ estão de volta

O ex-deputado estadual Fausto Souza se filiou ao PSDC para tentar retomar a vida política. Ele que não conseguiu se reeleger para a Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), em 2014, tentará, este ano, uma das cadeiras da Câmara Municipal de Manaus (CMM). O anúncio foi feito por Marcelo Generoso. Há rumores de que um dos filhos do ex-deputado Wallace Souza também será candidato ao Legislativo municipal. Será uma disputa em família?

Rumo ao PDT

Até o fim desta semana, ao menos dois deputados devem anunciar que a filiação ao PDT no Amazonas. As filiações têm como objetivo deixar o partido político mais forte para a pré-candidatura do deputado federal Hissa Abrahão (PPS) que também deve migrar para o PDT. O partido político já anunciou a filiação de Hissa, mas ele nega veementemente e disse que só se pronunciará, oficialmente, no dia 18 deste mês.

Monitoramento via drones

Durante a manifestação, no domingo (13/03), em Manaus, a Polícia Militar usou drones para acompanhar a movimentação popular e otimizar a ação dos policiais ‘em terra’. A ação foi considerada um sucesso, sem embates entre os manifestantes e, consequentemente, uso de força policial.

Sugestões:
ccavalcante16@gmail.com
99229-2981/3090-1044

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir