Esportes

Empresários de Guerrero dizem que atleta está fora do Corinthians

Paolo Guerrero não será mais jogador do Corinthians. A informação foi confirmada neste sábado (23) pela empresa que gerencia a carreira do atleta, a OTB Sports. Guerrero cumprirá seu contrato até o dia 15 de julho e depois será liberado.

“OTB SPORTS e SCCP [Corinthians], na figura de seu presidente, fizeram o possível para chegar a um acordo comercial e sacramentar a permanência de Paolo Guerrero no clube. Infelizmente não foi possível”, dizia o comunicado.

À Folha, a assessoria de imprensa da OTB confirmou que a negociação foi encerrada. Após diversas reuniões, a OTB ‘bateu o pé’ e não vai renovar.

Na sexta-feira, o presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, havia indicado que o vínculo não deveria ser estendido. A situação financeira do clube, que terminou o ano passado com um déficit de R$ 21 milhões, é um dos motivos para o encerramento do contrato.

“O Corinthians não tem condição de fazer o que ele está pedindo”, disse Andrade na sexta. O atleta exigia $ 20 milhões de luvas para assinar o novo acordo, enquanto a proposta do clube era mais modesta.

Ainda na sexta, o clube também confirmou o fim do contrato com Emerson Sheik. O atacante tem contrato até o dia 31 de julho.

Desde a entrada do novo diretor financeiro, Emerson Piovezan, o compromisso do clube é cortar gastos. Além do déficit herdado de 2014, o Corinthians tem dívidas de direito de imagem com jogadores do elenco e atletas que não defendem mais o clube, como Alexandre Pato, emprestado ao São Paulo.

Guerrero chegou ao clube em 2012, marcando o gol do título no Mundial de Clubes contra o Chelsea. Também conquistou um Campeonato Paulista e uma Recopa Sul-Americana em 2013.

Comunicado OTB SPORTS – Guerrero

A OTB SPORTS, dos sócios Bruno Paiva, Marcelo Goldfarb e Marcelo Robalinho, e do diretor executivo Fernando Paiva, se faz da presente para reiterar as afirmações do presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, em coletiva prestada nesta sexta, 22, no CT Joaquim Grava.

OTB SPORTS e SCCP, na figura de seu presidente, fizeram o possível para chegarem a um acordo comercial e sacramentarem a permanência de Paolo Guerrero no clube. Infelizmente não foi possível.

O atleta cumprirá seu contrato com o SCCP até 15/7, e seguirá atuando com o mesmo empenho e dedicação que manteve ao longo dos últimos 3 anos.

 

Por Folhapress

1 Comment

1 Comment

  1. manoel tavares

    23 de maio de 2015 at 12:40

    Muito bom o jornal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir