Dia a dia

Empresário investigado pela ‘Maus Caminhos’ é transferido para CPE e divide cela com Adail Pinheiro

mouhamad-mustafa-marcio-melo

Moustafa foi preso durante a operação ‘Maus Caminhos’, deflagrada pela Polícia Federal – foto: Márcio Melo

O médico e empresário Mouhamad Moustafa, preso na operação ‘Maus Caminhos’, foi transferido às 10h desta sexta-feira para o Comando de Policiamento Especializado (CPE). A informação foi confirmada pelo coronel Cleitman Rabelo, do comando do CPE, que acompanhou o processo de transferência.

Conforme o coronel, Moustafa foi encaminhado para a mesma cela onde o ex-prefeito de Coari, Adail Pinheiro está preso. Rabelo explicou que o médico terá que dividir a cela porque não há disponibilidade de nenhuma outra cela para guardar preso no local.

“Foi solicitado da justiça que ele ficasse detido no CPE, mas não temos mais espaço para colocar presos, por isso o médico terá que ficar na mesma cela que o Adail Pinheiro”, disse.

Mouhamad Moustafa foi preso pela Polícia Federal no dia 20 de setembro, suspeito de comandar um esquema de desvio de dinheiro da saúde pública no Amazonas, por meio da empresa que é dono, a Instituto Novos Caminhos (INC).

De acordo com a investigação da Polícia Federal foram desviados R$ 112 milhões dos cofres públicos do estado. Somente nos últimos dois anos, o Instituto Novos Caminhos recebeu R$ 220 milhões do governo estadual.

Jornal EM TEMPO

1 Comment

1 Comment

  1. marco guerra

    14 de outubro de 2016 at 17:50

    ESTUDOU MEDICINA PRA SURRUPIAR O ERARIO. PICARETA ESTE SR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir