Sem categoria

Embriagadas e sem cinto, quatro pessoas ficam feridas em acidente na avenida das Torres

Dois homens e duas mulheres estavam no veículo, e apenas uma das jovens ficou consciente, informou a equipe do Samu - foto: divulgação

Dois homens e duas mulheres estavam no veículo, e apenas uma das jovens ficou consciente, informou a equipe do Samu – foto: divulgação

Quatro pessoas ficaram feridas após a colisão de um carro com um poste na manhã deste domingo (7) na avenida governador José Lindoso – popularmente conhecida como avenida das Torres – nas proximidades da academia Live. Conforme o Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans), o motorista do veículo modelo Celta, de cor verde e placa MOL 5934, perdeu o controle do carro, enquanto trafegava no sentido Centro-bairro, chocando-se contra o poste.

Segundo informações dos agentes do Manaustrans todos os passageiros do automóvel, incluindo o condutor estavam com sinais de embriagues e nenhum deles usava o cinto de segurança. Os ocupantes do Celta foram socorridos pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhados ao hospital e pronto-socorro João Lúcio, na Zona Leste.

Dois homens e duas mulheres estavam no veículo, e apenas uma das jovens ficou consciente, informou a equipe do Samu. O grupo estaria voltando de uma festa. A jovem que estava consciente teve ferimentos leves, e as demais vítimas tiveram lesões graves no corpo e na cabeça. Os mesmos não foram identificados.

Acidente mata professora em Parintins

Um acidente de trânsito que ocorreu na manhã deste sábado (6) na rua Cordovil esquina com a rua Faria Neto, no centro do município de Parintins, vitimou a professora da rede municipal de ensino, Paula do Carmo Martins, 48. A educadora conduzia uma motocicleta Biz, cinza, de placa não informada, quando foi surpreendida por um rapaz de nome não divulgado, que estava em outra motocicleta provocando a colisão atingindo a região abdominal de Paula do Carmo.

A professora foi conduzida ao hospital regional Jofre Cohen onde passou cinco horas no centro cirúrgico, em virtude de complicações no baço que estourou no acidente. Paula faleceu de hemorragia interna.

A educadora foi coordenadora de Educação Inclusiva da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e não ocasião do acidente havia saído para comprar material escolar.

Por Asafe Augusto

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir