Sem categoria

Embarcação explode em pontão de Jutaí e deixa três pessoas feridas

As vítimas, identificadas apenas como ‘Edivan Negão’, ‘Peruano’ e ‘Natanael’, a princípio, sofreram queimaduras de segundo grau pelo corpo- foto: divulgação/colaborador EM TEMPO Online

As vítimas, identificadas apenas como ‘Edivan Negão’, ‘Peruano’ e ‘Natanael’, a princípio, sofreram queimaduras de segundo grau pelo corpo- foto: divulgação/colaborador EM TEMPO Online

Três pessoas ficam feridas, na manhã desta segunda-feira (25), em Jutaí (a 751 quilômetros de Manaus), durante a explosão na embarcação em que trabalhavam. Elas faziam um abastecimento de combustível. O barco Coelho Pinto 5, de propriedade do vice- prefeito de Jutaí, Paulo Coelho da Fonseca, afundou.

O acidente ocorreu por volta das 8h30, no rio Jutaí, em frente ao porto da cidade. Os trabalhadores realizavam a transferência de três mil litros de gasolina do Pontão Coelho, também de propriedade de Paulo Coelho, e, no momento de ligar o motor da embarcação, ocorreu uma descarga na corrente elétrica causando a explosão.

O timoneiro Edvan Turipe de Paula, 35, sofreu várias fraturas. Ele saltou do barco assim que percebeu o fogo. Edvam, conhecido na cidade por ‘Negão’, teve fratura aberta (com exposição de osso) no tornozelo e calcanhar , além de fratura fechada na perna direita. Ele também teve luxação (deslocamento do osso) na coxa esquerda e vários cortes na cabeça.

O diretor do hospital do município, Miriney da Silva Oliveira, informou que Edvan foi anestesiado e passou por procedimentos de limpeza cirúrgica. Ele será removido por um helicóptero para o Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, em Manaus. A aeronave saiu da capital às 12h30.

Já Natanael Acepal da Rocha, 23, sofreu queimaduras de segundo grau nos membros superiores e inferiores e também no rosto. Natanael passa bem. Jonh Dal Aguilar Tapajós, 27, sofreu apenas escoriações leves e uma queimadura no braço esquerdo. Ele foi medicado e liberado ainda pela manhã.

“Nós mesmos estamos retirando o barco das águas, aqui somos como uma família: todo mundo se ajuda”, disse Paulo Coelho, relatando que os três tambores de combustível flutuaram no momento da explosão e não houve perda do produto nem dano ao meio ambiente. Ele disse ainda que toda assistência será dada aos funcionários vítimas do acidente. “Graças a Deus, todos estão fora de perigo”, disse Coelho, acrescentando que Edvan trabalha na empresa há 10 anos e os outros dois funcionários, há um ano.

Um morador do município, que preferiu não ter o nome revelado, informou AO TEMPO Online que no local onde funciona o pontão também funciona uma fábrica de gelo e que o risco de incidentes é grande, mas que mesmo assim foram construídas várias residências no local, inclusive a casa do vice-prefeito.

Por Conceição Melquíades

 

1 Comment

1 Comment

  1. DEUS NÃO DORME

    25 de janeiro de 2016 at 16:38

    Vice-Prefeito, Paulo Coêlho tém tudo isso : BARCO E FLUTUANTE e a população de JUTAÍ passando DIFICULDADE!

    Faça IDEIA o PREFEITO?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir