Dia a dia

Em Silves, homem mata ex-sogro e ex-cunhado a tiros de espingarda

As vítimas foram mortas no último domingo - foto: arquivo pessoal

As vítimas foram mortas no último domingo – foto: arquivo pessoal

O mototaxista Paulo Sérgio Viana Neves, 39, é suspeito de matar o ex-sogro e o ex-cunhado com uma espingarda calibre 20, por volta das 22h da noite deste domingo (31), no município de Silves ( a 203 quilômetros de Manaus).

De acordo com o morador do município e estudante Gabriel Leite, as vítimas eram bastantes queridas na cidade e o crime pode ter sido motivado pelo fim de um relacionamento.

“A família era muito querida, estavam sempre na igreja. O relacionamento do Paulo com a filha e irmã das vítimas já tinha acabado há anos e ele não aceitava”, disse Gabriel.

Segundo Gabriel, a família chegou da igreja por volta das 22h, e foi surpreendida por Paulo Sergio, que armado com uma espingarda calibre 20, fazia ameaças às vítimas na rua Francisco Xavier com rua Pedro Teixeira,  bairro Mucajatuba, município de Silves.

O também mototaxista Marivaldo Viana colares, 29, cunhado, tentava conversar com Paulo , pedindo para baixar a arma, mas foi alvejado  com um tiro no peito e levado ao hospital, mas já sem vida.

O pai de Marivaldo, o aposentado Pedro da Costa Colares, 59, tentou socorrer o filho, mas também foi agindo com um disparo.

Segundo a família das vítimas, Paulo Sergio não aceitava o fim do relacionamento e acreditava que a família que impedia a reconciliação.

O autor do crime conseguiu fugir em uma canoa com motor tipo rabeta. Segundo informações dos familiares das vítimas, Paulo Sergio já havia planejado o assassinato, pois teria vendido todas as coisas de sua casa, sem que sua esposa soubesse.

A polícia vai investigar o caso.

Por Henderson Martins (especial EM TEMPO Online)

1 Comment

1 Comment

  1. MC

    2 de junho de 2015 at 12:44

    Silves precisa de ajuda, ja tivemos vários assassinatos e nada foi feito, ninguém investiga! Não temos segurança no nosso município!
    Silves pede socorro!
    No mínimo Silves precisa de um policiamento mais eficiente! Na delegacia quem atende o telefone são os presos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir