Dia a dia

Em Parintins, Rapaz diz que deu soco em pescador, mas não tinha intenção de matá-lo

Lucas foi ouvido na 3ª Delegacia Interativa de Parintins - foto: Tadeu de Souza

Lucas foi ouvido na 3ª Delegacia Interativa de Parintins – foto: Tadeu de Souza

Parintins (AM) – Preso suspeito de ter matado o pescador Wanderley Souza dos Santos, 47, Lucas Carvalho Meneses, 19, disse que não tinha intenção de matá-lo. Lucas foi detido na zona rural de Parintins (a 369 quilômetros de Manaus).

Policiais militares informaram que ele tentou fugir nadando, após o crime, que ocorreu no último sábado (2), por volta das 23h, na Baixa de São José.

Lucas declarou, em depoimento, que brigou com o pescador. Ao ser atingido com um soco, Wanderley caiu e bateu a cabeça na calçada. Ele sofreu traumatismo craniano.

“Ele tentou me bater, eu reagi e dei outro soco nele e depois fui me embora. Não sabia que ele tinha morrido”, disse.

Lucas foi ouvido na 3ª Delegacia Interativa de Parintins, onde foi autuado por homicídio, após os procedimentos ele permanecerá na carceragem da delegação a disposição da justiça.

Por Tadeu de Souza

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir