Dia a dia

Em Parintins, homem armado com terçado invade reunião política e fere vereador

Ezequiel foi preso por invadir uma reunião política no município de Parintins - foto: Divulgação

Ezequiel foi preso por invadir uma reunião política no município de Parintins – foto: Divulgação

Um homem, identificado como Ezequiel Valente dos Santos Filho, 34, foi preso na noite desta quarta-feira (7), ao invadir uma reunião política, na rua 06 do bairro Itaúna 2, Zona Sul do município de Parintins (a 369 quilômetros de Manaus). O indivíduo teria entrado no local com um terçado, ameaçado as pessoas presentes e provocou pânico generalizado. Além disso, destruiu os vidros de um veículo que estava estacionado próximo ao local.

O evento, que contava com 70 pessoas entre adultos, jovens e crianças, era promovido pela comunidade com o ex-secretário de Educação de Parintins e vereador do PSDB, professor Maildson Fonseca. Segundo as testemunhas, Ezequial invadiu a residência com a arma, afirmou que reunião política apenas com a permissão do ‘dono do setor’ e apenas de sua candidata.

“Foi terrível, esse rapaz disse que o setor tem dono, e que só o dono permite reunião de candidato, veja a aonde chegou Parintins, ele só não matou gente porque a polícia chegou a tempo, mas deixou muitas pessoas feridas, isso mostra que o crime está loteando a cidade, ou seja, daqui a pouco nenhum cidadão poderá ir e vir aqui na cidade de Parintins’, disse Maildson.

Na ocasião, o infrator investiu contra o vereador tentando acertá-lo com o terçado. O dono da casa, Ademir Assis, 46, ainda travou luta corporal com Ezequiel e sofreu ferimentos pelo braço.

De acordo com a Conselheira Tutelar, Invanêz Oliveira, outra pessoa que estava com o indivíduo passou a agredir as pessoas com uma estaca. “Foi um momento de muito medo, um outro comparsa desse Ezequiel, armado com uma estaca, passou a cacetar as pessoas que tentavam sair da casa onde estava acontecendo a reunião com o professor Maildson, quando a polícia chegou ele largou a estaca e correu”, disse.

A Polícia Militar foi responsável pela prisão em flagrante de Ezequiel Valente dos Santos Filho, que ainda exibia o terçado na rua. O acusado ainda será ouvido na 3ª Delegacia Integrada de Polícia (DIP). Os advogados da coligação ‘Pra Parintins Voltar Avançar’, a qual pertence o vereador, fizeram uma comunicação do ocorrido ao Cartório da 4ª Zona Eleitoral.

Força Federal

O juiz da 4ª Zona Eleitoral de Parintins, Fábio César Olinto, confirmou que requisitou forças federais para garantir a segurança do pleito em Parintins, além do efetivo da Polícia Militar.

Segundo o magistrado na primeira quinzena desde mês deverá chegar à cidade uma unidade da Polícia Federal enquanto que os homens da Força Nacional devem chegar na semana do pleito.

Por Tadeu de Souza

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir