Dia a dia

Em menos de 12h, PC registra três homicídios em Manaus; um deles envolve homem equatoriano

Os corpos das vítimas foram foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML) - foto: arquivo EM TEMPO Online

Os corpos das vítimas foram foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML) – foto: arquivo EM TEMPO Online

A Polícia Civil do Amazonas registrou ao menos três homicídios por arma branca e fogo, nas zonas Leste, Sul e Oeste de Manaus.

O estudante Lucas Silva de Nascimento, 19, foi morto com sete tiros, na noite dessa quinta-feira (1º), por volta das 19h, no momento em que assistia ao jogo da Seleção Brasileira contra o Equador. O crime ocorreu na rua 6, no bairro São José, Zona Leste.

De acordo com a polícia, a vítima estava em um bar quando dois homens não identificados se aproximaram do local e efetuaram os disparos. O jovem não resistiu e morreu na hora.

No bairro Educandos, Ricardo Lima da Silva, 19, foi assassinado na madrugada desta sexta-feira (2), na rua Muirakitan. A polícia informou que o rapaz estava em via pública, quando foi abordado por dois suspeitos armados que efetuaram os tiros na vítima.

Para a polícia, o crime foi um acerto de contas motivado pelo tráfico de drogas, uma vez que populares informaram que a vítima tinha envolvimento com a prática ilícita.

Também na madrugada de hoje, um homem que não teve o nome divulgado, foi morto a facadas, dentro da própria casa, localizada na avenida Rio Negro, bairro Santo Agostinho.

Conforme a polícia, o namorado da vítima identificado como Oscar Telmo Arévalo Orellana, que é natural de Quito, no Equador é o principal suspeito da morte.

Segundo informações, o casal estava mantendo relação sexual, quando houve um desentendimento entre eles. Durante a briga, a vítima pegou uma faca e tentando matar o companheiro, porém Oscar conseguiu desarmá-lo e desferiu um golpe no coração do homem que morreu no local.

Vizinhos ouviram gritos vindo da residência do casal e acionaram a polícia. Oscar também ficou ferido e foi levado para o Hospital Pronto-Socorro 28 de Agosto, após receber alta médica, ele será levado para a sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), onde serão tomadas as medidas cabíveis.

Os outros crimes seguem com autoria desconhecida e estão sendo investigado pela Especializada em Homicídios e Sequestros.

Por equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir