Sem categoria

Em leitura de mensagem na CMM para abertura dos trabalhos, prefeito Arthur Neto faz balanço de 2015

O prefeito fará um balanço detalhado dos cortes feitos no Executivo municipal ao longo de 2015 - foto: divulgação/Semcom

O prefeito fará um balanço detalhado dos cortes feitos no Executivo municipal ao longo de 2015 – foto: divulgação/Semcom

O prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), fará, nesta segunda-feira (15), a abertura dos trabalhos na Câmara Municipal de Manaus (CMM) com a leitura da mensagem do Executivo municipal.

Candidato natural à reeleição e no último ano do mandato, Arthur Neto apresentará aos parlamentares municipais e autoridades do Estado um balanço das ações à frente do Executivo municipal, especialmente em 2015, ano em que teve de enfrentar a crise econômica, e as perspectivas de projetos para este ano.

“Este ano será um ano de muitos desafios. Pretendemos lançar novos projetos com intuito de melhor cada vez mais a cidade de Manaus. Em virtude da crise que estamos enfrentando, pretendemos fazer alguns cortes e trabalhar em cima de projetos que movimentem, novamente, a economia na nossa região, que foi a mais prejudicada com a crise financeira”, disse o prefeito.

Na ocasião, o prefeito fará um balanço detalhado dos cortes feitos no Executivo municipal ao longo de 2015 e apresentará uma perspectiva de novos cortes e alterações na prefeitura para 2016, caso a crise econômica se agrave.

De acordo com a Diretoria de Comunicação da CMM, foram convidados a participar da solenidade o governador José Melo (Pros) e representantes dos Tribunais de Justiça (Tjam), de Contas (TCE-AM), Regional Eleitoral (TRE-AM), da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam),  do Ministério Público do Estado (MPE-AM), da Procuradoria Geral da República, além de gestores dos órgãos  da administração estadual e municipal.

Reunião

O presidente da CMM, vereador Wilker Barreto (PHS), informou que amanhã reunirá os líderes partidários do Legislativo municipal para tratar dos trabalhos na Câmara durante o período eleitoral.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir