Dia a dia

Eletricista é assassinado com golpes de facas, no bairro Tancredo Neves

O eletricista foi levado ao pronto-socorro Platão Araújo onde passou por procedimentos médicos, mas acabou morrendo na manhã de hoje - foto: Janailton Falcão

O eletricista foi levado ao pronto-socorro Platão Araújo onde passou por procedimentos médicos, mas acabou morrendo na manhã de hoje – foto: Janailton Falcão

O eletricista Cristiano Ribeiro da Silva, 49, foi morto com três golpes de faca pelo próprio enteado identificado como Ulisses Magalhães Rodrigues, após uma discussão dentro da casa da vítima. O crime ocorreu na rua Gallo Ibanez, Conjunto São Lucas, bairro Tancredo Neves, Zona Leste, por volta das 16h de segunda-feira (21).

De acordo com a irmã do eletricista, a funcionária pública Giese Socorro, 42, a família desconhece o motivo da briga entre a vítima e os suspeitos, uma vez que foi uma vizinha que levou Cristiano para o pronto-socorro.

“Tudo o que eu sei é que o meu irmão estava brigando com eles, quando aconteceu o fato. Ele (Cristiano) foi esfaqueado três vezes no pescoço, clavícula e peito. Depois do crime, a mulher dele e o enteado fugiram correndo pela rua”, relatou. A funcionária pública disse ainda que Auriene mantinha um relacionamento com a vítima há três anos e desconhece as brigas do casal.

O eletricista foi levado ao pronto-socorro Platão Araújo onde passou por procedimentos médicos, mas acabou morrendo na manhã de hoje.

Um investigador da Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS) informou que Auriene e o filho fugiram e estão sendo procurados pela polícia. Até o final desta edição, ninguém foi preso.

Por Ana Sena/ Do Agora

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir