barra portal

Classificados

emprego botao
imoveis botao
Classitempo anuncie grátis

Arthur descarta apoio à candidatura de Hissa ao governo

Pela primeira vez, em três meses (desde que Hissa anunciou sua pré-candidatura), Arthur Neto afirma ser contrário a isso – foto: arquivo EM TEMPO
 
Em entrevista a uma rádio local na manhã de ontem, o prefeito de Manaus Arthur Neto (PSDB) deixou claro que não apoiará a candidatura do vice-prefeito Hissa Abraão (PPS) – seu aliado – sem acordo prévio e deu sinais de que não é seu desejo que Hissa concorra ao governo do Estado no pleito do ano que vem.

“Se for uma coisa sem combinação comigo, sem a minha indicação, óbvio que não”, respondeu, ao ser questionado sobre a possibilidade de apoiar o vice. “Em aventura ninguém me mete”, completou.

Em um sinal de que não está satisfeito com a pré-candidatura do parceiro de prefeitura, Arthur Neto disse que Hissa deve ouvir as pessoas mais “sensatas e maduras”. “Ele (Hissa) deve ter muita paciência, muita calma, muita tranqüilidade, deve saber esperar, saber construir um tempo, se vivenciar. As coisas não são feitas em 24 horas para ninguém, deve-se assentar bases sólidas. Ele tem que aprender mais, ficar ali do meu lado”, disse.

O prefeito disse querer ter a certeza de que Manaus estará em boas mãos, em qualquer circunstância, e que o Estado do Amazonas estará em mãos “maduras e habilidosas”.

“Eu vejo no vice-prefeito Hissa uma figura de muito potencial e de muito, mas é preciso calma no Brasil! Calma no Brasil!”, alertou Neto. “É preciso entender que ele está começando uma vida, tem que saber construir. Nada de por os carros na frente dos bois. Não é nenhum pouco bom”, acrescentou.

Hissa surpreendeu todos ao lançar sua pré-candidatura no último dia 22 de julho na Câmara Municipal de Manaus (CMM), após apresentar um balanço de obras da Prefeitura de Manaus, realizadas pela Seminfh no primeiro semestre de sua gestão à frente da pasta. Procurado pela reportagem do EM TEMPO, o vice-prefeito Hissa Abraão informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que não iria comentar as declarações do prefeito.
 
Com chances
Na entrevista, o prefeito descartou a possibilidade de ser candidato a governador em 2014, mas deixou o recado: se fosse à disputa teria chances de ganhar. “Se eu fosse uma pessoa leviana, e não sou, seria candidato a governador com chances. Qualquer pessoa, do primeiro da pesquisa ao último, haveria de ter humildade para reconhecer isso. Agora, eu tenho compromisso com Manaus”, afirmou.

Questionado se, definitivamente, não será candidato, Arthur Neto afirmou: “Eu não vou ser”.

Pesquisar no site

Rádio EM TEMPO

Videorreportagem Agora

Entrevistas

Facebook

Charge do dia

charge-do-dia-19-de-abril-de-2014

publicidade

julio sumiu
DMC Firewall is a Joomla Security extension!