Política

Durante dez dias, 24 alunos do ensino médio assumem postos de deputados na Aleam

A ação é parte da 8ª edição do Programa Parlamento Jovem 2015 - foto: divulgação/Aleam

A ação é parte da 8ª edição do Programa Parlamento Jovem 2015 – foto: divulgação/Aleam

A Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) empossou, nesta quarta-feira (27), 24 alunos do ensino médio que irão viver 10 dias como deputados estaduais, realizando sessões plenárias, debatendo questões de interesse da população e elaborando projetos que podem, inclusive, virar leis.

A ação é parte da 8ª edição do Programa Parlamento Jovem 2015, realizada pela Assembleia Legislativa através da Escola do Legislativo Senador José Lindoso.

Os alunos-deputados foram eleitos por voto direto, cursam o ensino médio em 22 escolas públicas e particulares, da capital e de municípios do interior do Estado, segundo informações da coordenadora do Programa, Cassandra Serejo Cabral dos Anjos. As escolas participantes são indicadas pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), de acordo com a nota que cada instituição alcança no índice de desempenho educacional do Ministério da Educação.

Dois jovens tem como padrinho o deputado estadual Serafim Corrêa. A estudante Tayná Costa é uma das representantes. Ela cursa o terceiro ano do ensino médio na Escola Estadual Maria Calderaro em Presidente Figueiredo, município da região metropolitana de Manaus. “Me sinto feliz com a oportunidade de participar do parlamento jovem. É uma oportunidade de conhecer melhor o trabalho dos deputados. Também gostei de saber que o deputado Serafim Corrêa é o presidente da Comissão que cuida da Zona Franca de Manaus”, disse a estudante. O suplente de Tayná, é o estudante Willison José da Silva Costa, também de Presidente Figueiredo.

Durante dez dias, do dia 25 de maio a 3 de junho, os alunos deputados passam por uma simulação de mandato de deputado estadual, com aulas sobre o funcionamento do Legislativo e participação em debates e reuniões na Casa. O aluno também será acompanhado pessoalmente por um deputado estadual, escolhido por sorteio. Nesta segunda-feira eles deverão se inteirar do funcionamento da Casa no auditório senador João Bosco Ramos de Lima, e na quinta-feira, os alunos eleitos serão simbolicamente empossados no cargo.

Desenvolvimento de projetos

Os alunos deverão desenvolver dois projetos estaduais e um federal, que serão analisados em plenário no Parlamento Jovem. Os três melhores projetos serão premiados e podem ser reapresentados por deputados para tramitar na Aleam. “É uma oportunidade que esses jovens têm de vivenciar a atividade política. Aprendem muito sobre política, cidadania, democracia, voto consciente, papel dos poderes, papel dos deputados. Esses jovens passam a ter uma mudança de vida. Passam a ter outra visão de mundo”, disse a coordenadora Cassandra dos Anjos.

O Programa Parlamento Jovem teve sua primeira edição em 2008. Desde o início do programa, pelo menos 216.353 alunos de 280 instituições diferentes já passaram pelo Parlamento Jovem. O Programa também é desenvolvido nas próprias escolas, com a realização de palestras com temas como: Consciência Política e Voto Consciente.

 

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir