Sem categoria

Dupla envolvida com adulteração e receptação de veículos é presa em Manaus

Wendel foi atuado pelos crimes de receptação, uso de documento falso e adulteração de sinal identificador veicular e Jean irá responder por interceptação - foto: Arthur Castro/do AGORA

Wendel foi atuado pelos crimes de receptação, uso de documento falso e adulteração de sinal identificador veicular e Jean irá responder por interceptação – foto: Arthur Castro/do AGORA

Dois homens suspeitos de participação em uma quadrilha especializada em adulteração de veículos foram apresentados na tarde desta quarta-feira (15), na Delegacia Especializada em Roubos Furtos e Defraudações (DERFV), bairro Alvorada, Zona Oeste de Manaus. Jean Frank Castro, 26, e Wendel Keyzer Franco da Silva, 35, estavam na mira da esquipe de investigação da Polícia Civil. Eles foram presos em lugares distintos da cidade.

Wendel foi preso na noite desta terça-feira (14), por volta de 20h, no conjunto Cidadão Sete, bairro Nova Cidade, Zona Norte, e Jean em um posto de gasolina localizado nas proximidades da Bola do Produtor, Jorge Teixeira, também na Zona Norte.

De acordo com informações do titular da DERFV, Péricles Nascimento, a dupla faz parte de uma quadrilha especializada em receptação de veículos. Wendel estava sendo investigado suspeito de adulterar veículos e utilizá-los como táxis. Durante as diligências, o autor das adulterações foi identificado trafegando em via pública, ocasião em que foi abordado e preso em flagrante.

A autoridade Policial informou que após a abordagem, Wendel indicou o local onde fazia as adulterações nos automóveis. A equipe de investigação foi até o depósito, no conjunto Canaranas, bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus, onde fez a revista e foram encontrados dois automóveis, uma picape modelo S10, já adulterada com placa de Boa Vista, Roraima, e um Classic, de cor verde, que estava pronto para ser pintado de branco.

Na ocasião, foram encontradas ferramentas para fazer as adulterações de sinal de identificador de veículo e um Certificado de Registro de Veículo (CRLV), de um carro modelo Gran Siena.

Wendel foi atuado pelos crimes de receptação, uso de documento falso e adulteração de sinal identificador veicular e Jean irá responder por interceptação.

 

Por Equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir