Eleições 2016

Dos nove candidatos a prefeito de Manaus, apenas seis participam do debate na Band nesta segunda

Estreando os debates televisivos entre os prefeituráveis de Manaus, a Band Cidade, da Rede Bandeirantes de Comunicação, vai receber, na noite desta segunda-feira (22), seis candidatos dos noves candidatos que concorrem ao pleito. Três deles não irão participar, sendo um por motivos de agenda e dois por impedimento legal.

Henrique Oliveira (SDD), Hissa Abrahão (PDT), José Ricardo (PT), Marcelo Ramos (PR), Serafim Corrêa (PSB) e Silas Câmara (PRB) terão duas horas para apresentar para à população manauara as propostas que possuem para a capital amazonense, caso sejam eleitos.

O atual prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), não irá participar do primeiro debate entre os candidatos porque, segundo a assessoria, tem um compromisso fora da capital e não retorna a tempo. Arthur está em Brasília, onde se encontra com o ministro das Cidades, Bruno Araújo.

A assessoria informou ao Portal Em TEMPO que o encontro com o ministro já estava na agenda do prefeito há meses e que, por ter em pauta vários pleitos importantes para a cidade de Manaus, Arthur optou por mantê-lo.

Os candidatos Luiz Castro (REDE) e Professor Queiroz (PSOL) não atendem a determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e não podem participar do debate. A legislação requer que cada partido tenha, pelo menos, nove representantes na Câmara dos Deputados.

O programa

O programa, que  irá começar às 21h15  e tem previsão de duas horas,  será dividido em cinco blocos. Três deles destinados à perguntas e respostas entre os candidatos e os jornalistas da emissora que promove o debate.
Quem vai fazer a mediação entre os candidatos é o jornalista Otávio Ceschi Júnior, de São Paulo.

Por equipe EM TEMPO online

1 Comment

1 Comment

  1. Edmar da Silva Castro

    22 de setembro de 2016 at 20:03

    Gostaria de saber porque o pessoal da prefeitura é mal remunerado segundo a carteira de trabalho.
    Tenho um tio que trabalhou a vida toda e aguarda a promessa de aumento para se aposentar.
    Ele já está doente trabalhando mais náo pode se aposentar com o salário de menos de 500 reais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir