Economia

Dólar tem maior queda diário em mais de três meses e fecha em R$ 3,16

Depois dias seguidos de fortes altas, o dólar teve a maior queda diária em mais de três meses e voltou a ser vendido abaixo de R$ 3,20. O dólar comercial caiu R$ 0,073 (2,24%) e fechou a semana vendido a R$ 3,161.

Apesar da queda nesta sexta-feira (10), a moeda norte-americana acumula alta de 1,68% em julho. Em 2015, a valorização acumulada chega a 18,9%.

A perspectiva de um acordo entre a Grécia e os credores internacionais contribuiu para desfazer a instabilidade dos últimos dias nos mercados financeiros.

Ontem (9), no fim do dia, o governo grego entregou a proposta de acordo, com concessões aos credores em vários pontos, como aumento da idade mínima para aposentadoria e alta de impostos para empresas.

O documento será analisado amanhã (11) pelos ministros de Finanças do Eurogrupo – países que adotam a moeda única.

A recuperação do mercado de ações da China também trouxe fez o dólar cair em todo o planeta. A Bolsa de Valores de Xangai subiu pelo segundo dia seguido, após o governo chinês anunciar medidas para conter a especulação financeira. Entre elas, estão a compra de ações de empresas por parte do governo e a proibição de que grandes detentores de ações atuem no mercado por seis meses.

 

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir