Dia a dia

Dia ‘D’ abre campanha de vacinação contra Influenza

A população presente no primeiro dia da campanha se mostrou satisfeita com a divulgação das informações sobre a campanha - foto: Ione Moreno

A população presente no primeiro dia da campanha se mostrou satisfeita com a divulgação das informações sobre a campanha – foto: Ione Moreno

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza começou em Manaus neste sábado (30) com o chamado Dia “D”. A abertura oficial aconteceu na Unidade Básica de Saúde (UBS) Gebes Medeiros Filho, no bairro Jorge Teixeira 2 (Zona Leste).

A campanha vai até o dia 20 de maio e tem como alvo idosos com 60 anos ou mais,  crianças na faixa etária entre 6 meses e 4 anos, 11 meses e 29 dias; gestantes em qualquer idade gestacional; mulheres no puerpério (até 45 dias após o parto); trabalhadores da saúde (excluindo os da área administrativa); indígenas que moram em aldeias, assistidos pelos órgãos competentes; adolescentes e jovens de 12 a 18 anos sob medidas socioeducativas; população privada de liberdade; e as pessoas com doenças crônicas como diabetes, cardiopatia, hepatopatia e algumas doenças neurológicas.

O secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão, presente na abertura do evento, falou do objetivo de superar a meta do Ministério da Saúde, que é 80 % da população destes grupos. “Nossa meta, da cidade de Manaus, é vacinar 329 mil pessoas, o que seria 100% da meta. Apesar do Ministério da Saúde achar 80% satisfatório, a nossa cidade tem um histórico de conseguir sempre cumprir a totalidade dos pacientes”, disse.

A restrição a grupos menores de pessoas também foi alvo de comentários de Leão. “O Ministério da Saúde não tem como disponibilizar doses para todos, portanto, é preciso priorizar os grupos de maior risco”, afirma. Em caso de dúvidas, o telefone 0800-2808280 está a disposição da população para tirar dúvidas. O número também serve para apoio de famílias com dificuldades em virtude de pessoas acamadas ou que não possam se mover.

A população presente no primeiro dia da campanha se mostrou satisfeita com a divulgação das informações sobre a campanha. “Estou tomando a segunda dose este ano e venho me mantendo informada pela TV”, afirmou a aposentada Célia Rosa Fernandes, 62. A cozinheira Andreia Bessel trouxe a pequena Débora Vitória, de 8 meses para se vacinar e utilizou o próprio SUS para se informar. “Fui até uma casinha de saúde e tiraram todas as minhas dúvidas lá”, explicou.

Por Fred Santana

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir