Sem categoria

Detran-AM apreende 53 veículos e prende dois condutores armados em blitz da ‘Lei Seca’

A operação 'Lei Seca' aconteceu em pontos estratégicos da cidade - fotos: Josemar Antunes

A operação ‘Lei Seca’ aconteceu em pontos estratégicos da cidade e três motos foram apreendidas com mesmo número de placa – fotos: Josemar Antunes

De quinta-feira (11) a domingo (14), o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) intensificou as ações da ‘Lei Seca’, e apreendeu 53 veículos nas principais ruas e avenidas da capital amazonense, para evitar a condução de motoristas alcoolizados e sem habilitação.

Cerca de 30 agentes, com apoio de policiais militares da Força Tática e Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), atuaram em todas as zonas de Manaus, em horários variados, com abordagens em blitzes montadas em pontos específicos, principalmente entre os horários 23h às 6h.

Dois microônibus do transporte coletivo trafegavam com placa clonada

Dois microônibus do transporte coletivo trafegavam com placa clonada

Entre as fiscalizações, 98 motocicletas, 28 veículos foram fiscalizados. Entre eles, 48 motos, cinco carros e dois microônibus com restrição de roubos e placas clonadas.

Além disso, 32 condutores foram flagrados por embriaguez ao volante e dois condutores presos com armas de fogo – uma pistola e uma escopeta – que estavam escondidos dentro de mochilas.

O maior número de irregularidades aconteceu na avenida Autaz Mirim (Grande Circular), que compreende os bairros São José e Jorge Teixeira, na Zona Leste. As blitzes foram montadas próximas às casas de shows, com a utilização de bafômetros para detectar a presença de álcool.

Casas de show sem alvará

Durante as fiscalizações do Detran-AM, cinco casas de shows, entre elas, a ‘Casa da Mamãe’, funcionavam irregularmente, além de vários ambulantes flagrados vendendo bebidas alcoólicas na via. Na ocasião, os agentes foram recebidos com ‘garrafadas’ e bombas tipo ‘catolé’ arremessadas contra as viaturas, onde um servidor foi atingido com uma garrafada na testa.

Para continuar os trabalhos, os agentes tiveram o apoio da Polícia Militar.

De acordo com o diretor presidente do Detran-AM, Leonel Feitoza, a intensificação da Operação Lei Seca, nas principais vias de Manaus, faz parte do planejamento estratégico do Governo do Estado do Amazonas fortalecer a fiscalização das leis de trânsito.

“Nessa operação, encontramos muitas motos roubadas e clonadas e o que mais nos chamou atenção foram o funcionamento de casas de shows que estavam lacradas durante uma operação em conjunto com órgãos do Estado e Prefeitura, infelizmente os proprietários abriram sem autorização”, explicou.

Feitoza ressaltou que ações serão intensificadas normalmente em conjunto para coibir práticas irregulares. “O que mais nos espanta é que estabelecimentos fechados por órgão público estão funcionando como se nada tivesse acontecido”, disse.

O  Detran-AM irá emitir, por meio de nota, as irregularidades encontradas junto a Prefeitura de Manaus nesta semana.
Conforme Feitoza, os veículos com restrições de roubo e placas clonadas serão encaminhados para perícia para identificar a sua originalidade. Depois serão destinados ao parqueamento do órgão.

Balanço

Após a fiscalização, 48 motocicletas e cinco carros com restrição de roubo e placas clonadas foram apreendidos. Entre as apreensões, três motos e dois microônibus do transporte executivo estavam com a mesma placa.

Por Josemar Antunes (especial EM TEMPO Online)

1 Comment

1 Comment

  1. asdasd

    15 de junho de 2015 at 22:19

    leilão é??

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir