Dia a dia

Detento de UPP morre em hospital após suposta agressão física

A vítima era da cela 9, na galeria 2 da unidade, e foi encontrada com  vários ferimentos pelo corpo - foto: reprodução

A vítima era da cela 9, na galeria 2 da unidade, e foi encontrada com vários ferimentos pelo corpo – foto: reprodução

O interno Adson Silva de Oliveira, 27, que cumpria pena na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), na Zona Leste cidade, morreu na noite dessa quarta-feira (27) na unidade de saúde Chapot Prevost, também na Zona Leste, suspostamente por agressão física.

De acordo com a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), a vítima era da cela 9, na galeria 2 da unidade, e foi encontrada com  vários ferimentos pelo corpo.
Os agentes penitenciários fizeram os primeiros socorros, porém, devido à gravidade dos ferimentos, o homem foi levado para o Serviço de Pronto Atendimento (SPA) Chapot Prevost, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O corpo foi removido pelo Instituo Médico Legal (IML), onde passou por exames de necropsia, mas até o momento a causa da morte ainda não foi divulgada.

A Seap informou que os nove detentos que dividiam a cela com a vítima serão levados ao 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para prestarem depoimentos sobre o caso, e se for comprovado que a vítima morreu por agressão física, serão autuados por homicídio.

Por equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir