Política em Foco

Desembargadores se articulam para disputa pela presidência do TRE-AM e Tjam

Nos corredores do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (Tjam) já é nítido o clima eleitoral com vistas à eleição para a Presidência do Tjam, que deve acontecer no fim do primeiro semestre, e do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), que está prevista para março deste ano.


Para a presidência do Tjam, só entram na disputa os desembargadores mais antigos no cargo, ou seja, Socorro Guedes, Domingos Chalub e Yêdo Simões.

Acordo firmado

De acordo com assessores jurídicos e advogados que circulam pelo Tjam, o nome do desembargador Yêdo Simões já é tido como certo para a presidência do TRE-AM, abrindo sua “vaga” na disputa pela presidência da corte estadual para o desembargador Flávio Pascarelli.

Prioridade aos antigos

Na corte eleitoral, a disputa está entre os desembargadores Yêdo Simões, Mauro Bessa – atual vice-presidente do TRE-AM, e João Simões. De acordo com a regra da Justiça Eleitoral, o Tjam escolhe dois nomes para a corte e o presidente é o mais antigo.

Se ficarem na disputa Yêdo e João Simões, o presidente da Justiça Eleitoral será Yêdo Simões. Mas, se o desembargador Mauro Bessa ficar entre os dois escolhidos para o tribunal eleitoral, será aclamado presidente por ser o mais antigo.

Poder

O presidente do TRE-AM conduzirá a eleição municipal deste ano e irá organizar a Justiça Eleitoral para as eleições para o governo do Estado, em 2018.

Mais mudança

O governador José Melo exonerou o então secretário de Estado de Trabalho, Breno Ortiz, para nomear para o comando da Secretaria de Estado de Trabalho (Setrab), Hiroshi Toyoda, então representante do governo no Escritório de Representação do Amazonas em São Paulo. Ortiz passa a ser o secretário-executivo da pasta.

Sem gratificação

As mudanças foram oficializadas na última terça-feira (22) e publicadas, ontem no Diário Oficial do Estado (DOE). De acordo com a publicação, Toyoda topou continuar tocando, sem receber gratificação nenhuma a mais por isso, o comando do Escritório de Representação do governo, em São Paulo, mesmo à frente da Secretaria, em Manaus. Então tá…

Cerco estratégico

Os órgãos de segurança pública têm atuado na tentativa de aumentar o cerco e a prisão dos criminosos em Manaus. Ainda no primeiro semestre deste ano, a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) ganhará uma nova sede administrativa para ficar mais próxima da zona com maior índice de ocorrências policiais: na zona Norte.

Custo x benefícios

A sede será localizada dentro das dependências do Shopping Via Norte, mas terá uma entrada independente e custará R$ 1,5 milhão aos cofres do Executivo. De acordo com o secretário de Estado de Segurança Pública, Sérgio Fontes, a nova sede atende a vários critérios, além de “estar nas proximidades das áreas mais vulneráveis da cidade”.

Dentre as demais vantagens, segundo Fontes, está: o preço, maior espaço físico, acessibilidade, vagas para estacionamento, obediência às normas de combate a incêndio e espaço otimizado e de acordo com as atuais necessidades da Secretaria.

Serviços

Vale lembrar que o shopping abriga, ainda, um Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC) e uma unidade de atendimento do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Vencendo as adversidades

O prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), admitiu que a crise e as adversidades testaram e atestaram a sua administração. Ao avaliar a tradicional Pesquisa de Qualidade Mundial da Consultoria Mercer, o prefeito disse que no comando da equipe do Executivo enfrentou sérios problemas, mas não fugiu das decisões para conquistas significativas.

Afagos

Na avaliação, publicada nas redes sociais, até os servidores municipais ganharam elogios do prefeito. Segundo Arthur, as condições de trabalho no Executivo municipal são modestas e adversas, mas isso não impediu que a Prefeitura trabalhasse em prol da cidade.

“Credito a nossa gente, a minha equipe de governo e aos servidores da Prefeitura em geral. Não desconheço e nem minimizo os graves problemas da cidade. Apenas não os temo e me dedico a enfrenta-los diariamente. Não opero milagres. Não mistifico. Tenho, isto sim, a convicção de que peguei pela proa uma cidade que, hoje, é bem outra, bem melhor do que antes. Inferior ao que haverá de ser no futuro próximo. Certamente no caminho de realizar seu destino vitorioso e brilhante”, disse Arthur.

Início da campanha

Aliados de Arthur apontam a publicação como o primeiro indício claro que o prefeito disputará a reeleição. Será?

Sugestões:
ccavalcante16@gmail.com
99229-2981/3090-1044

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir