Esportes

Del Nero deve abrir mão do seu cargo na Conmebol nesta quinta-feira

O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, deve abrir mão do seu cargo na Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) nesta quinta-feira (26), na sede da CBF, na zona oeste do Rio.

Ele vai participar de uma reunião da entidade, realizada extraordinariamente no Rio.

Se deixar o cargo, ele também não vai representar a Conmebol no comitê-executivo da Fifa.

O cartola não deixa o país desde maio, quando José Maria Marin, seu antecessor, foi preso na Suíça acusado de receber propina em negociações de competições no país e no exterior.

Durante a chegada dos presidentes das confederações que integram a Conmebol nesta quarta (25) na sede da CBF, Del Nero fez um gesto raro em sua gestão, marcada pela discrição.

Ele desceu até o saguão de entrada do prédio da CBF e recebeu seus pares na portaria, por volta de 14 horas. Os dirigentes trocaram abraços e conversaram descontraidamente, antes de darem início à visita oficial.

Caso se confirme a saída, Del Nero deve indicar seu sucessor. É provável que o escolhido seja o vice-presidente da CBF Fernando Sarney, representante da região Norte do país. Ele foi o único vice-presidente que participou da recepção desta quarta.

Filho do ex-presidente da república José Sarney, Fernando é forte aliado de Del Nero.

A reunião também deve indicar um substituto para o ex-presidente da Confederação Colombiana, Luis Bedoya. Ele renunciou ao cargo recentemente.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir