Dia a dia

Crea-AM lança projeto para ‘ajudar’ prefeituráveis

Com a presença de quatro pré-candidatos a prefeito de Manaus, o Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Amazonas (Crea-AM) lançou ontem pela manhã o projeto “Propostas Técnicas do Crea-AM para planos de governo dos candidatos a prefeito de Manaus – Eleições 2016” para captar ideias dos profissionais registrados na entidade, estudantes e professores para a elaboração desses documentos. Estiveram presentes no evento os prefeituráveis Chico Preto (PMN), Luiz Navarro (PCB), Marcelo Ramos (PR) e Serafim Corrêa (PSB).

Essa é a primeira vez que um Crea desenvolve ação desse porte na Região Norte. As propostas apresentadas pelo conselho são iminentemente técnicas de todas as áreas da engenharia e agronomia que possa agregar valor ao plano da cidade. Segundo o presidente do conselho, Cláudio Guenka, a ideia partiu da diretoria da entidade, que contém seis eixos temáticos entre os quais mobilidade urbana e educação. “Os técnicos da engenharia vão apresentar também. Mas nós vamos receber de outras entidades classes, de outras informações e principalmente da sociedade caso queiram participar e mostrar propostas voltada à engenharia. Nós vamos analisar e oferecer aos partidos políticos e candidatos usarem em suas campanhas políticas ”, ressaltou.

Pré-candidato, o ex-deputado Marcelo Ramos afirma ser fundamental o lançamento principalmente para o setor de construção civil. “É dos segmentos que mais gera empregos na cidade de Manaus. A prefeitura precisar ter sensibilidade para isso e não olhar para as empresas de construção civil apenas como arrecadadoras, mas sim facilitando a vida, desburocratizando procedimentos, discutindo a carga municipal que incide sobre as atividades das empresas”.

Marcelo destaca que Manaus precisa de um Plano de Mobilidade Urbana e questiona a implantação do sistema BRS (Bus Rapid System), denominado como faixa azul. “A prefeitura fez um arremedo de ação com a faixa azul, algo completamente sem planejamento. Você se agregou uma via do ônibus do lado esquerdo sendo que as portas são do lado direito”, criticou.

O prefeiturável destaca propostas direcionadas ao setor agrário de Manaus que, segundo ele, tem um grande cinturão verde que está abandonado. “A prefeitura faz de conta que não vê milhares de pessoas que vivem do setor primário sem condições e o poder público não tem capacidade de ajudar essa economia que é importante para cidade”, disse Ramos.

O ex-deputado Chico Preto, também pré-candidato a prefeito, avalia de forma positiva a iniciativa do Crea-AM. “O conselho mostra exemplo que esperamos que seja seguido por outros conselhos profissionais, pois é muito importante essa contribuição”, afiançou.

Já o deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) – que tem evitado declarar publicamente sobre uma candidatura a prefeito – frisou que os projetos de mobilidade urbana somente se viabilizarão após serem apresentados ao governo federal e aos bancos internacionais que possam financiá-los. “O município em si, não tem dinheiro para grandes projetos de mobilidade urbana”, acrescentou o ex-prefeito da cidade. Sobre uma pré-candidatura, Serafim Corrêa limitou-se a dizer que tudo será decidido em julho pelo PSB.

Luiz Navarro, que já concorreu ao governo do Amazonas pelo PCB nas eleições de 2014, avalia a educação como um dos projetos importantes a serem apresentados pelo Crea-AM. Segundo ele será bem-vindo. Ele também não confirmou a sua pré-candidatura para prefeito.

O lançamento do projeto aconteceu ontem pela manhã no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam).

Por Diogo Dias

1 Comment

1 Comment

  1. Nelson Dantas

    19 de maio de 2016 at 15:38

    Luiz Navarro está certo, pontos para ele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir