Política

CPI do BNDES decide convocar presidente do Coaf

Após ouvir o secretário-executivo do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), Ricardo Liáo, a comissão parlamentar de inquérito (CPI) da Câmara dos Deputados que analisa empréstimos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) decidiu nesta terça-feira (15) que vai convocar o presidente o órgão, Antonio Gustavo Rodrigues. Os parlamentares avaliaram que Liáo, que respondeu a perguntas por quase três horas, não pôde prestar muitas informações.

Em depoimento, Ricardo Liáo disse não ter conhecimento se o Coaf abriu procedimento para apurar empréstimo da construtora Odebrecht à empresa de consultoria de projetos Noronha Engenharia. Segundo ele, o dado deve ser solicitado por requerimento ao órgão.

O secretário-executivo disse ter sido informado dos detalhes da operação, em caráter hipotético, por um jornalista do site Congresso em Foco, que entrou em contato com o Coaf. Ele disse que não teve conhecimento direto do empréstimo e que, na ocasião, achou a descrição da operação estranha.

“Desconheço [investigação do Coaf a respeito] porque, além do contato telefônico do jornalista [do Congresso em Foco] comigo, não recebi, e desconheço se o Coaf recebeu, pelas vias normais de comunicação, informações sobre essa operação. São de 4 a 5 mil comunicações diárias ao Coaf. Pescar uma situação dessas seria difícil. Teria de fazer uma consulta sistêmica”, afirmou Ricardo Líao aos parlamentares.

De acordo com reportagem do Congresso em Foco publicada em maio d e 2014, a Odebrecht teria feito empréstimo de R$ 3 milhões à Noronha Engenharia. Em 2013, sem ter terminado de pagar a dívida, a Noronha teria assinado ainda contrato mediante o qual receberia mais R$ 3,6 milhões da construtora para certificar a qualidade das estruturas do porto.

Ainda não há data prevista para a convocação do presidente do Coaf. A CPI do BNDES volta a se reunir na próxima terça-feira (22) para ouvir diretores do banco de fomento.

 

Por Agênciabrasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir