Esportes

Corinthians perde a terceira seguida fora de casa e corre risco de sair do G4

Em duelo de alvinegros, Marlone divide bola com defensor da Ponte Preta - foto: Daniel Augusto JR/Agência Corinthians

Em duelo de alvinegros, Marlone divide bola com defensor da Ponte Preta – foto: Daniel Augusto JR/Agência Corinthians

Com um jogador a menos desde os 17 minutos do primeiro tempo, quando o zagueiro Balbuena foi expulso, o Corinthians voltou a não jogar bem fora de casa e foi derrotado pela Ponte Preta por 2 a 0 na tarde deste sábado (27), no estádio Moisés Lucarelli em Campinas, pela abertura da 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Mesmo com Marlone de titular, o time do técnico Cristóvão Borges não funcionou ofensivamente e sofreu a terceira derrota seguida longe do Itaquerão. Antes, o time alvinegro já havia sido derrotado por Grêmio, em Porto Alegre, e Atlético-PR, em Curitiba. No total, já são sete derrotas como visitante na competição.

Com o resultado negativo, o time corintiano corre o risco de terminar novamente uma rodada fora do G4, o grupo da Libertadores. Isso porque ficou com 37 pontos, ainda na terceira colocação, mas pode ser ultrapassado por Flamengo, Santos e Grêmio, que jogam neste domingo (28).

A Ponte Preta, que venceu o duelo com gols de Roger e Clayson, sendo um em cada tempo da partida, chegou aos 34 pontos, na sétima posição.

O JOGO

Com Marlone de titular, e Guilherme atuando como ‘falso’ centroavante, o Corinthians foi muito mal ofensivamente no primeiro tempo e viu a Ponte Preta dominar o jogo até o intervalo.

A equipe de Campinas, melhor postada em campo, impunha velocidade pelos lados do campo e sempre buscava finalizar as jogadas com o centroavante Roger, que perdeu gol feito aos 9min, quando chutou a bola em cima de Cássio.

A pressão do time do interior paulista ficou ainda maior depois dos 17min, quando o zagueiro Balbuena foi expulso após fazer falta em Roger, que sairia novamente na frente do goleiro do Corinthians.

Logo em seguida, Cristóvão tentou recompor a defesa com a entrada do jovem Pedro Henrique no lugar de Guilherme. A substituição, porém, recuou ainda mais o time alvinegro. E, aos 35min, os visitantes sofreram o gol de Roger: 1 a 0 para a Ponte Preta.

Sem conseguir sequer contra-atacar, o Corinthians continuou acuado e, por pouco, não sofreu o segundo gol em chute de fora da área de Clayson, que acertou a trave, aos 41min.

O time corintiano voltou dos vestiários com Romero, mas continuou sendo pressionado pela equipe da casa. Logo aos 4min, Clayson ampliou para a Macaca em um belo gol dentro da área e dificultou ainda mais a situação do Corinthians na partida.

Cristóvão ainda buscou dar mais ofensividade ao Corinthians com a entrada de Lucca na vaga de Rodriguinho, que foi mal na partida. A Ponte Preta continuou com mais posse de bola e presença ofensiva até o apito final.

PONTE PRETA
Aranha; Níno Paraíba, Douglas Grolli, Fábio Ferreira e Reinaldo; Abuda (Matheus Jesus) e Wendel; Rhayner (Léo Cereja), Thiago Galhardo e Clayson; Roger (Willian Pottker). Técnico: Eduardo Baptista
CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Yago, Balbuena e Uendel; Cristian; Rodriguinho (Luca), Marquinhos Gabriel (Romero), Elias e Marlone; Guilherme (Pedro Henrique). Técnico: Cristóvão Borges
Gols: Roger, aos 35min do 1º tempo; Clayson, aos 5min do 2º tempo
Cartões amarelos: Roger (P); Romero (C)
Cartão vermelho: Balbuena (C)
Estádio: Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir