Dia a dia

‘Consultório na Rua’ realiza atendimento de indígenas venezuelanos na rodoviária

A maioria dos imigrantes está com a documentação pessoal e de permanência no Brasil em situação irregular – Marcio Melo

O programa ‘Consultório na Rua’, da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), realiza nesta segunda-feira (13), a partir das 15h, o atendimento de saúde básica de um grupo indígena da etnia Warao, originário da Venezuela, que está acampado no Terminal Rodoviário de Manaus, Zona Centro-Sul.

Essa é a segunda ação desenvolvida pelo órgão voltada para esses grupos desde que os indígenas passaram a chegar em maior número na cidade. O Consultório na rua faz a articulação, dentro da rede de atenção, de medicações, consultas ou exames para pessoas em situação de rua. O grupo está em diversas zonas da cidade, num total de 31 famílias e uma média de 115 pessoas entre idosos, adultos, jovens e crianças.

Nas últimas semanas, eles começaram a ser atendidos pelo Centro Pop, da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh), com alimentação e higienização. Também foi iniciado o mapeamento para identificar as famílias que vieram para Manaus e onde elas estavam vivendo. Os governos do Estado e Federal, além do Ministério Público, já foram convocados para prestar a atenção necessária nos casos.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir