Dia a dia

Construções irregulares são retiradas de área verde, na Zona Norte

Nove pessoas que já ocupavam barracos foram notificadas a deixar a área num prazo de 30 dias - foto: divulgação

Nove pessoas que já ocupavam barracos foram notificadas a deixar a área num prazo de 30 dias – foto: divulgação

Os órgãos que compõem o Grupo Integrado de Prevenção às Invasões em Áreas Públicas (Gipiap) realizaram na manhã desta quinta-feira (5), a retirada de construções irregulares em área verde e de preservação permanente situadas entre o Nova Cidade e Monte das Oliveiras, na Zona Norte.

Foram demolidos dez barracos que não estavam habitados e aproximadamente 20 piquetes, utilizados para demarcação de lotes para futuras construção, também foram retirados do local. A área fica situada por trás da Escola Estadual Samuel Benchimol, nas proximidades do 15º Distrito Integrado de Polícia, e vinha sendo invadida gradativamente.

Nove pessoas que já ocupavam barracos foram notificadas a deixar a área num prazo de 30 dias.

Participaram da ação a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), o Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), a Superintendência Estadual de Habitação (Suhab), Batalhão Ambiental, Força Tática, 15ª Cicom e Amazonas Energia.

Fiscais da Semmas informaram que já haviam feito vistorias anteriores na área e notificado alguns ocupantes de barracos há cerca de um mês. Com a ação, algumas famílias deixaram a área, mas depois retornaram. Já havia no local posteamento e ligações clandestinas de energia, desligadas pela concessionária.

Com informações da assessoria

1 Comment

1 Comment

  1. maciel

    6 de maio de 2016 at 08:27

    A polícia deveria prender os cabeças dessas invasões para inibir quem queira enveredar por esse caminho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir