Mundo

Conheça a futura premier do Reino Unido, Theresa May

Theresa May será a segunda mulher a assumir o governo do Reino Unido, depois de Margareth Thatcher - foto: Will Oliver/Agência Lusa

Theresa May será a segunda mulher a assumir o governo do Reino Unido, depois de Margareth Thatcher – foto: Will Oliver/Agência Lusa

Theresa May entrará para a história do Reino Unido na próxima quarta-feira (13) como a primeira mulher a assumir o governo em 25 anos, desde o fim da era de Margaret Thatcher.

Prestes a completar 60 anos de idade, May nasceu em Sussex, no Sul da Inglaterra, e foi criada em Oxfordshire. Assim como Tatcher, May vem de uma família de classe média-baixa, filha de um reverendo anglicano e neta de duas empregadas domésticas.
Graduada em Geografia pela Universidade de Oxford, a nova premier trabalhou no Banco da Inglaterra por seis anos e foi chefe da Unidade de Assuntos Europeus da Association for Payment Clearing Services (Apacs).

É casada com Philip John May, um executivo do setor bancário, desde 1980 e não tem filhos. Theresa gosta de passear, de cozinhar e é conservadora e protestante praticante, mas já se manifestou a favor do casamento entre pessoas do mesmos sexo.

Theresa May foi eleita deputada pelo distrito de Maidenhead pela primeira vez em 1997 e foi também a primeira mulher a assumir a Presidência do Partido Conservador em 2002. Desde 2010, ela é ministra do Interior do Reino Unido. Na política, ficou conhecida por sua linha implacável contra o crime.

Desde que o primeiro-ministro David Cameron anunciou sua renúncia ao posto devido à derrota no referendo Brexit, sobre a saída do país da União Europeia (UE), May era uma das mais cotadas à sucessão.

Apesar de ter apoiado, assim como Cameron, que o Reino Unido permanecesse na UE, a ministra afirma que o resultado do plebiscito deve ser respeitado.

O Daily Telegraph descreveu May “como a segunda mulher mais importante da política nacional, graças a uma determinação feroz e em parte pelo uso rotineiro de um figurino sempre muito elegante”.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir