Esportes

Congresso que vai eleger novo presidente da Fifa é retomado após ameaça de bomba

O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, também confirmou a ameaça de bomba - foto: divulgação

O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, também confirmou a ameaça de bomba – foto: divulgação

O 65º Congresso da Federação Internacional de Futebol (Fifa) foi retomado há pouco, após uma ameaça de bomba registrada pela polícia de Zurique. A porta-voz da polícia local, Brigitte Vogt, confirmou a ocorrência, mas disse apenas que seus homens estão no local, sem acrescentar mais detalhes.

Em sua fala durante a retomada do congresso, o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, também confirmou a ameaça de bomba, revelando que autoridades revistaram o auditório onde ocorre a reunião. “As instalações foram liberadas pelas autoridades e o congresso pode continuar”, disse.

Mais cedo, manifestantes palestinas foram retiradas do evento. As mulheres interromperam o discurso de abertura do presidente da entidade, Joseph Blatter, mostrando cartões vermelhos aos representantes do organismo, enquanto gritavam “Fora, Israel”.

O congresso deve escolher ainda hoje (29) um novo presidente para a Fifa e votar a possibilidade de expulsar Israel da organização. A definição de um novo mandatário ocorre em meio a denúncias de corrupção e prisões de sete dirigentes a pedido da Justiça dos Estados Unidos.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir