Mundo

Conflitos na Colômbia deixam dois civis e um guerrilheiro das Farc mortos

Um guerrilheiro das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e dois civis morreram em confrontos com o exército colombiano, de acordo com levantamento feito após o cessar-fogo anunciado pelos rebeldes.

Os combates ocorreram em Caqueta, ao Sul do país, um dos redutos das Farc, principal guerrilha da Colômbia e que, há mais de dois anos, negocia um processo de paz.

“Duas pessoas ficaram feridas e outras duas morreram”, informou o exército colombiano por meio de comunicado, afirmando que os dois civis foram atingidos por tiros feitos pelas Farc.

O guerrilheiro morto era procurado por suspeita de participação na morte do governador de Caqueta em 2009 e pelo sequestro de funcionários chineses da empresa petrolífera Emerald Energy, na mesma região, em 2011.

As operações militares contra as Farc se intensificaram por ordem do presidente Juan Manuel Santos, apesar dos esforços das negociações de paz. As discussões devem recomeçar nesta segunda-feira (25) em Havana, Cuba.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir