Variedades

Como não perder o ritmo de boa forma também nas férias

Malhação o ano inteiro, dietas espartanas e olho na balança. Quem não conhece essa rotina pode pular essa matéria e passar para a próxima porque não tem perfil para o que vem a seguir.

Mas, se você já passou por alguma dessas etapas, com certeza deverá ter interesse nas dicas dos especialistas para não perder a boa forma física durante as férias.

A verdade é que elas são esperadas durante o ano inteiro e quando chegam trazem junto várias tentações que vão desde aquela surpreendente preguiça de malhar, até o desejo quase incontrolável de esquecer a vigilância na balança e ceder às guloseimas. Afinal, tudo se justifica em nome das benditas férias.

Pensando nisso, o Saúde e bem-estar conversou com dois professores de educação física e uma nutricionista para saber exatamente o que fazer nesse período de lazer e ainda manter a forma e o pique.

Tudo depende do lugar escolhido para passar as férias, explica o professor Jean Santos, da academia Personal Fitness Club. Segundo ele, se o local escolhido for uma praia não haverá motivos para se preocupar, pois o próprio ambiente ao ar livre já propicia excelentes caminhadas na areia, além de esportes como vôlei, frescobol, futevôlei, peteca ou frisbee, entre outros.

O professor Estevão Rocha partilha da mesma opinião e recomenda que a pessoa evite a ociosidade mesmo estando em período de férias. Além de citar algumas atividades como caminhadas, ciclismo e natação, ele lembra que se as férias forem mais prolongadas a pessoa pode procurar uma academia para malhar pelo menos três vezes por semana.

Mas não há como evitar, o segredo para manter a forma é controlar a boca. A nutricionista Tatiana Ramos lembra que o período que fica entre as festas de final de ano e as férias do início do ano é o mais propício para alguns pequenos exageros que podem aparecer na balança.

“Bastam somente dois a três dias para sujar o organismo. Nossos parâmetros, mais invariáveis: glicose e frações lipídicas (colesterol, LDL, HDL, triglicerídeos) sobem depressa quando cometemos certos exageros. Para muitos que lutam com a balança, vão se frustrar porque aqueles quilos tão difíceis de perder serão duplicados ou triplicados”.

Tatiana ressalta que algumas medidas podem ajudar durante as férias e aposta na mesma indicação dos professores de educação física: antes de viajar, estude o local que vai, verifique se no hotel há uma academia, piscina ou um calçadão, uma área bem frequentada, aonde possa se exercitar pelo menos 30minutos todos os dias.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir