Economia

Comércio local foi o único que cresceu em dezembro

Dezembro é considerado o melhor mês para as vendas no comércio do AM – Márcio Melo

O Amazonas foi o único Estado brasileiro onde o comércio varejista terminou dezembro do ano passado em alta, se comparado com o mês anterior, com crescimento de 0,1%. O dado consta na Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), que foi divulgada ontem (14), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em comparação com outras unidades da Federação, com esse índice de 0,1%, o comércio do Amazonas teve o maior resultado e foi o único Estado a fechar com desempenho positivo. O índice nacional em dezembro de 2016 teve queda de 2,1% na mesma comparação. A pesquisa do IBGE apontou também que, no acumulado do ano, o Amazonas finalizou com queda de -10,6%.

O índice de 0,1%, porém, foi contestado pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL-Manaus). Segundo dados da entidade, o crescimento do comércio local em dezembro de 2016 foi de 4%, quando comparado com o mesmo período de 2015.

O presidente da CDL-Manaus, Ralph Assayag, explicou que não existe como fazer cálculo ou comparação de novembro para dezembro, porque o mês de dezembro em relação a qualquer outro mês do ano, é superior, pelo menos 40%. Nesse caso não se pode comparar dezembro com novembro, ou qualquer outro mês do ano, apenas com próprio mês de dezembro. “Dezembro tem 13º salários e um mundo de fatores que nos outros meses não tem. A maior venda do comércio todo no ano é em dezembro. Tem que fazer comparação de dezembro com dezembro, essa comparação não existe”, enfatizou Assayag.

Ele afirmou ainda que é “impossível” prever algum crescimento para o decorrer deste ano, tendo em vista que variáveis que podem acontecer, como greves, alterações políticas e paralisações diversas, afetam o resultado. “Queremos estancar as demissões e o fechamento de lojas nesse primeiro trimestre e, se nenhum ‘furacão’ chegar, no segundo semestre, podemos prever algum
crescimento”, finalizou.

Contrariando ainda mais o resultado da CDL-Manaus, o IBGE registrou uma variação mensal negativa de 3,8% entre dezembro de 2015 com dezembro de 2016.

Já no acumulado do ano de 2016 o Amazonas teve um volume de venda -10,6% menor do que em 2015, deixando a região abaixo da média nacional, que foi -6,2%.

Lojistas

O diretor de Operações da Tropical Multiloja, Erick bandeira de Melo, afirmou que, apesar de um ano difícil para as vendas, a empresa fechou o último trimestre de 2016 com um crescimento de pelo menos 5% em relação ao mesmo período de 2015.

O empresário estima que o primeiro trimestre de 2017 será melhor do que 2016. “Esperamos que esse ritmo melhor do começo de 2017 renda bons resultados para o primeiro trimestre”, disse.

Joandres Xavier
EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir