Esportes

Com reservas, Corinthians vence o Cruzeiro na estreia do Brasileiro

Cruzeiro e Corinthians entraram em campo na Arena Pantanal, em Cuiabá, com as atenções voltadas para a Copa Libertadores e quem levou a melhor foi o time alvinegro por 1 a 0, na abertura do Campeonato Brasileiro.

Precisando de vitórias contra o São Paulo e o Guaraní-PAR, respectivamente, na próxima quarta-feira (13), as equipes treinadas por Marcelo Oliveira e Tite foram escaladas com vários reservas e apresentaram nítido desentrosamento.
Na próxima rodada, o Corinthians recebe a Chapecoense, no sábado, em Araraquara, e o Cruzeiro visita o Santos.

O Cruzeiro começou o jogo com a marcação adiantada e dificultando a saída de bola do Corinthians, que não conseguia fazer a transição da defesa para o ataque.

Mesmo com essa dificuldade, a primeira chance de gol foi corintiana, aos 16 minutos. Vagner Love fez jogada individual, passou pelos defensores do Cruzeiro e bateu de pé esquerdo na saída de Fábio, mas a bola subiu demais.

No minuto seguinte o Cruzeiro teve sua primeira chance. Fabiano desceu pela direita e cruzou. A bola passou por toda a defesa e sobrou para Henrique, que finalizou mal e sem perigo para Cássio.

O Corinthians voltou a chegar com perigo em dois chutes de fora da área, primeiro com Edílson e depois com Cristian, aos 27 e 28 minutos, respectivamente.

O time alvinegro voltou para o segundo tempo com Emerson Sheik no lugar de Danilo, enquanto Charles deu lugar a Willian Farias no Cruzeiro.

Mesmo com as mudanças, os times pouco criaram na etapa complementar e ficaram restritas a bolas esticadas para os atacantes.

A melhor chance do Corinthians aconteceu aos 12 minutos. Malcom recebeu na ponta direita, cortou para o meio e cruzou para Vagner Love, que apareceu livre de marcação. Mas o camisa 29 estava em posição irregular.

Aos 34 minutos, o atacante Henrique recebeu na intermediária, girou sobre o defensor e bateu forte. Cássio fez defesa segura.

O Corinthians conseguiu abrir o placar com o paraguaio Ángel Romero, aos 36 minutos. O escanteio foi cobrado curto para Edílson, que bateu cruzado e Romero desviou para o gol.

Nos minutos finais, o Cruzeiro ainda tentou uma pressão em busca do empate, mas não conseguiu finalizar com perigo contra o gol de Cássio.

CRUZEIRO

Fábio; Fabiano (Mayke), Manoel, Bruno Rodrigo e Pará; Charles (Willian Farias), Willians, Gabriel Xavier (Judivan), Marquinhos e Willian; Henrique
T.: Marcelo Oliveira

CORINTHIANS

Cássio; Edílson, Yago, Edu Dracena e Uendel; Bruno Henrique, Cristian, Petros e Danilo (Emerson Sheik); Malcom (Mendoza) e Vagner Love (Romero)
T.: Tite

Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Gol: Romero, aos 36 min do 2º tempo
Cartões amarelos: Gabriel Xavier, Charles, Willians (CRU) e Edílson (COR)
Público: 11.773
Renda: R$ 860.100,00

Por Folhapres

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir