Esportes

Com novidades, Nacional treina de olho no Princesa

Longe dos gramados desde o último jogo do segundo turno, atacante Leonardo treinou com bola e pode ser opção para a final- foto: divulgação / Rui Costa

Longe dos gramados desde o último jogo do segundo turno, atacante Leonardo treinou com bola e pode ser opção para a final- foto: divulgação / Rui Costa

Sem dar pistas ao adversário sobre qual time deve mandar a campo no sábado (20), quando o Nacional enfrenta o Princesa do Solimões pela finalíssima do Campeonato Amazonense 2015, às 15h, na Arena da Amazônia Vivaldo Lima, o técnico Aderbal Lana realizou o penúltimo treino aberto à torcida e a imprensa nesta semana.

Uma das novidades na movimentação foi o retorno do atacante Leonardo às atividades com bola. Afastado desde a última rodada do segundo turno, o jogador deve ser relacionado para o segundo jogo da final. Quem também treinou foi o lateral-direito João Rodrigo, que vem sendo utilizado na ala esquerda pelo treinador leonino. Contudo, o centroavante Hyantony já é desfalque certo para a decisão. Com um problema no menisco do joelho esquerdo ele só retorna aos gramados antes da Série D.

Num treinamento com campo reduzido e limitado a dois toques, os jogadores do elenco leonino foram divididos em três grupos com oito atletas cada. Desta forma, o técnico azulino não manteve o mistério sobre a onzena inicial que deve mandar a campo no próximo sábado, o que deve ser definido nos coletivos – que serão realizados com portões fechados – desta quarta e quinta.

“Hoje é terça-feira, ainda tem muito tempo para trabalho. A gente tem que analisar, passar o filme daquele jogo de sábado. A princípio, esse início de semana foi mais para fazer treinamentos com carga mínima, para que a gente possa ter energia suficiente e fazer um bom jogo”, explicou o comandante do Nacional.

Peça fundamental no esquema de Aderbal Lana, o volante Dênis, um dos mais experientes do elenco, quer conquistar o primeiro título com a camisa nacionalina. Um dos poucos jogadores do atual elenco que disputaram a final de 2013 contra o próprio Princesa – na ocasião, o Leão da Vila Municipal acabou perdendo o título -, ele só tem um objetivo para o jogo de sábado: ser campeão.

“Sim, perdemos aquela. Lembro até hoje, foi ruim.
Eu queria ser campeão pela primeira vez com o Nacional. Vai ser um jogo difícil demais, mas eu quero ser campeão de qualquer jeito”, disse o volante.

Por André Tobias (equipe EM TEMPO)

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir