Esportes

Com gol nos acréscimos, Corinthians vence o XV de Piracicaba

Diante de um público de mais de 30 mil torcedores no Itaquerão, o Corinthians sofreu mas venceu o XV de Piracicaba por 1 a 0, neste domingo (31), com gol nos acréscimos, pela estreia do Campeonato Paulista.

Sem a criatividade apresentada no ano passado, o time comandado por Tite sofreu com a falta de entrosamento após a perda de jogadores chave para o estilo do treinador.
A melhor chance corintiana antes do gol foi ainda no primeiro tempo em uma cobrança de pênalti desperdiçada por Rodriguinho. Já o XV conseguiu trocar bons passes no meio de campo e assustou o clube alvinegro.

Aos 46 min da etapa final, Romero aproveitou o rebote do goleiro Bruno Brígido e deu a vitória ao clube da capital paulista.

Na próxima rodada, o Corinthians visita o Audax, na quinta (4). Já o XV de Piracicaba recebe o Rio Claro, na quarta (3).

O JOGO

O Corinthians começou a partida trocando passes e esperando o momento certo para invadir a linha de defesa do XV de Piracicaba. Porém, sem a efetividade do ano passado, o primeiro a chegar com perigo foi o time visitante.

Aos 11 min, Rodrigo Silva aproveitou cruzamento da direita e cabeceou em direção ao goleiro Cássio, que só observou a bola passar bem rente à trave.

Após o susto, o time comandado por Tite se lançou mais ao ataque e teve as primeiras oportunidades na partida e, consecutivamente, passou a errar mais passes.

Aos 28 min o Corinthians teve a chance de abrir o placar após marcação de pênalti em cima do zagueiro Yago. Porém, na batida, Rodriguinho tentou bater no canto esquerdo do goleiro, mas tirou demais e chutou para fora.

Logo em seguida, o XV respondeu. Após cobrança de falta, Heitor aproveitou o rebote de Cássio e mandou a bola para o gol, mas o árbitro anulou alegando impedimento.

A última boa chegada do primeiro tempo também foi da equipe do interior paulista. Aos 39 min, Rodrigo Silva Foi até a linha de fundo e chutou cruzado, o que obrigou Cássio a jogar para escanteio.

No começo do segundo tempo, as equipes aumentaram o ritmo de jogo, mas os goleiros continuaram tendo pouco trabalho. Diante do cenário, Tite recorreu ao banco de reservas e colocou em campo o recém contratado Marlone e o lateral Guilherme Arana. Nada mudou.

No fim do confronto, empurrado pelos torcedores, o Corinthians chegou ao gol da vitória com Romero. Aos 46 min, o atacante aproveitou o rebote do goleiro Bruno Brígido e deu números finais à partida.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir