Esportes

Com gol de promessa, reservas do São Paulo vencem Botafogo em estreia

Com um gol de falta do jovem Lucas Fernandes ainda no primeiro tempo, o time reserva do São Paulo conseguiu estrear com vitória no Campeonato Brasileiro ao derrotar o Botafogo por 1 a 0 na manhã deste domingo (15), em Volta Redonda, no Rio de Janeiro.

Foi o primeiro gol do meia são-paulino, 18 anos, na equipe profissional. Ele é considerado a principal promessa do clube. De quebra, foi a primeira vitória fora de casa na temporada.

Além dele, outros jovens como Auro, Lyanco e Banguelê também começaram o jogo entre os titulares do time do Morumbi, que está focado no jogo decisivo pela Libertadores na próxima quarta (18), contra o Atlético-MG, em Belo Horizonte. Na ida, o São Paulo venceu por 1 a 0.

Pelo Nacional, a equipe do Morumbi volta a campo no próximo domingo (22), quando enfrenta o Internacional, em casa.

O jogo

O São Paulo sentiu a falta de entrosamento e foi dominado pelo Botafogo no começo do jogo. Com muitas dificuldades na troca de passes e excesso de chutões para o campo de ataque, a equipe paulista viu o time carioca ter algumas chances de marcar, com Ribamar e Bruno Silva.

Mas, apesar da pressão, os botafoguenses não tiveram capacidade em concluir com eficiência e foram surpreendidos em um dos raros ataques dos visitantes na primeira etapa.

Aos 21min, Lucas Fernandes cobrou falta da entrada da área e marcou um belo gol no canto do goleiro Helton Leite.

O São Paulo melhorou no jogo após abrir o placar. O time paulista conseguiu chegar ao campo de ataque com a bola dominada e rondou a grande área do time carioca. Mas precisou que o seu goleiro, Renan, evitasse o empate em novo chute de Ribamar, aos 42min.

Com a vantagem no marcador, a equipe são-paulina recuou muito no segundo tempo e permitiu ao Botafogo novamente ter o domínio da partida.

Porém, com a fragilidade do ataque botafoguense, o time visitante conseguiu se defender sem passar grandes apuros. O goleiro Renan foi exigido apenas em cruzamentos e em um chute de fora da área, feito por Anderson Aquino, já aos 38min.

Nos acréscimos, Centurión ainda teve um gol mal anulado pela arbitragem, que errou ao marcar impedimento do atacante argentino após cruzamento de Kelvin.

BOTAFOGO

Helton Leite, Luis Ricardo, Emerson Silva, Renan Fonseca e Victor Luis; Rodrigo Lindoso, Bruno Silva (Salgueiro), Fernandes e Leandrinho (Anderson Aquino); Neilton (Sassá) e Ribamar.

T.: Ricardo Gomes

SÃO PAULO

Renan Ribeiro, Auro, Lugano, Lyanco e Matheus Reis; Lucão, Banguelê (Thiago Mendes), Wilder (Kelvin), Lucas Fernandes (Rogério) e Centurión; Alan Kardec.

T.: Edgardo Bauza

Local: Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)

Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)

Auxiliares: Neuza Ines Back e Helton Nunes

Renda e público: 3.660 pagantes / R$ 148.790,00

Cartões Amarelos: Banguelê, Wilder, Matheus Reis, Lucas Fernandes e Thiago Mendes (SAO); Leandrinho (Botafogo)

Cartões Vermelhos: Não houve

Gols: Lucas Fernandes, aos 21min do 1° tempo

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir