Esportes

Com falha de goleiro da Ponte, Atlético-MG vence a 1ª com Marcelo

Com direito a uma falha grotesca do goleiro da Ponte Preta no gol que abriu o placar na partida, o Atlético-MG conseguiu a primeira vitória sob o comando do técnico Marcelo Oliveira ao vencer por 3 a 0 na manhã deste domingo (19), em Belo Horizonte, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro.

No lance, o volante Leandro Donizete chutou de muito longe no meio do gol, mas João Carlos deixou a bola passar por cima dos ombros ao tentar fazer a defesa e foi vazado. Depois, o goleiro da Ponte chegou a esconder o rosto com a bola, enquanto a torcida e os donos da casa comemoravam o gol.

Depois, o equatoriano Cazares, ainda no primeiro tempo, e Carlos, já na etapa final, fizeram os outros gols do time mineiro.

A vitória amenizou a pressão sobre o técnico recém-contratado, que estreou na segunda rodada da competição e ainda não havia vencido. No período, foram quatro empates e três derrotas.

Com o resultado, o Atlético-MG chegou aos 10 pontos e saiu momentaneamente da zona do rebaixamento. Já a Ponte interrompeu a sequência de duas vitórias e permaneceu com 13.

Na outra partida desta manhã, a Chapecoense derrotou o Vitória por 2 a 1, em Salvador, com gols de Sérgio Manoel e Thiego.

Com o resultado, o time catarinense chegou aos 14 pontos e encostou na parte de cima da tabela. Já a equipe baiana continuou com nove, perto da zona da degola.

Ficha técnica

Atlético-MG: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo e Douglas Santos; Leandro Donizete e Júnior Urso; Juan Cazares (Patric), Clayton (Carlos), Robinho (Rafael Carioca) e Fred. Técnico: Marcelo Oliveira.

Ponte Preta: João Carlos, Jeferson, Fábio Ferreira, Kadu e Reinaldo; João Vitor, Renê Júnior; Cristian, Felipe Azevedo (William Pottker) e Clayson (Thiago Galhardo); Roger (Wellington Paulista). Técnico: Eduardo Baptista

GOLS: Leandro Donizete, 23’1ºT (1-0); Cazares, 26’1ºT (2-0); Carlos, 39’2ºT (3-0)

Cartões amarelos: Jeferson (PPR)

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Data/Hora: 19/06/2016, às 11h (de Brasília)

Árbitro: Wagner Reway (MT)

Assistentes: Carlos Berkenbrock (SC) e Nadine Schramm Camara Bastos (SC/Fifa)

Cartão vermelho: Não teve.

Público/Renda: 16.042 torcedores/R$300.593,00

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir