Economia

Codam analisa projetos de quase R$ 905 milhões

Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas se reúne hoje para deliberar sobre uma pauta que relaciona 39 projetos de produção industrial - foto: divulgação

Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas se reúne hoje para deliberar sobre uma pauta que relaciona 39 projetos de produção industrial – foto: divulgação

A 262ª reunião do Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Codam), a terceira a ser realizada neste ano, vai deliberar sobre uma pauta que relaciona 39 projetos de produção industrial com investimentos estimados em R$ 905.828 milhões e 1.815 vagas no mercado de trabalho, no prazo de até 3 anos.

Um dos destaques da pauta da reunião, que acontecerá nesta quarta-feira (29), na sede da Federação das Indústrias do Amazonas (Fieam), às 10h, é o projeto da Semp Indústria e Comércio, agora sem associação com a Toshiba, para a fabricação de TV em cores e display de LCD a um custo de R$ 245 milhões, com a promessa de gerar 410 empregos.

Outro destaque da pauta da 262ª reunião do conselho é o projeto da Positivo Informática para a produção de máquinas de transações comerciais de débito e crédito com valor de R$ 189 milhões e 246 postos de trabalho.

Embalagens

No segmento de produção intermediária, a Klabin S.A. pretende fabricar chapas de papelão ondulado, embalagens e artefatos de papelão. Esse projeto é significativo porque sinaliza a intenção do conjunto da indústria de manter ou aumentar a produção nos próximos meses.

A pauta detalhada da reunião está disponível na página www.seplancti.am.gov.br, no item “Destaques”.

O Codam é a instância do governo do Estado do Amazonas responsável pela execução da política de incentivos fiscais com vistas à geração de emprego e renda para a população. O conselho é formado por 17 membros representantes de diversos segmentos como a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), Prefeitura de Manaus, entidades empresariais e sindicatos de trabalhadores.

Investimentos

Seguindo o calendário bimensal de reuniões, o encontro do Codam nesta quarta-feira, apesar da crise econômica que atinge o país, apresenta pauta com maior volume de investimentos que o registrado na reunião realizada no mesmo período em 2015 (R$ 597 milhões) e em 2014 (R$ 883 milhões).

O mesmo acontece com a mão de obra projetada. Em 2014, a pauta da reunião do Codam realizada em junho tinha 1.558 vagas, em 2015, 1.235, abaixo dos 1.828 empregos previsto na nova pauta.

No acumulado do ano, em três reuniões do Codam, contando com a que será realizada nesta quarta-feira, os investimentos somam 2.901 bilhões em 111 projetos aprovados com expectativa de geração de 4.242 vagas no mercado de trabalho.

Pautas aprovadas

A última reunião do Codam, realizada em abril, aprovou na íntegra a pauta de 46 projetos industriais com valor estimado de R$ 1,5 bilhão e 1,6 mil postos de trabalho no período de até 3 anos.

Os destaques da pauta foram os projetos da BMW para a fabricação de motocicletas com recursos de R$ 124 milhões. Também no setor de duas rodas, foi avaliado pelos conselheiros o projeto da RCL Veículos para a produção de motocicletas e ciclomotores com investimentos aproximados de R$ 9 milhões e 66 vagas no mercado de trabalho. Um projeto de diversificação incomum é o da Cis Eletrônica, para a fabricação de tornozeleira eletrônica digital para pessoas sentenciadas.

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir