Eleições 2014

Cinco candidatos ao governo do AM estarão hoje frente a frente em último debate

Chico Preto (PMN), Eduardo Braga (PMDB), Herbert Amazonas (PSTU), José Melo (Pros) e Marcelo Ramos (PSB) participam hoje, às 21h40, na TV Amazonas, o último debate antes das eleições - foto: reprodução

Chico Preto (PMN), Eduardo Braga (PMDB), Herbert Amazonas (PSTU), José Melo (Pros) e Marcelo Ramos (PSB) participam hoje, às 21h40, na TV Amazonas, o último debate antes das eleições – foto: reprodução

O último e mais esperado debate na TV entre os principais candidatos ao governo do Estado promete dar fôlego na reta final da campanha eleitoral. Eduardo Braga (PMDB), José Melo (Pros), Chico Preto (PMN), Marcelo Ramos (PSB) e Herbert Amazonas (PSTU) vão estar frente a frente, hoje, às 21h40, na TV Amazonas, para debater propostas de governo e tentar arrebanhar os eleitores (ainda) indecisos.

Os candidatos Abel Alves (Psol) e Luís Navarro (PCB) não irão participar do debate. Segundo o editor geral de jornalismo da Rede Amazônica de Televisão, Luís Augusto Batista, a última pesquisa do Ibope apontou que Herbert tinha um ponto a mais que Abel na pesquisa de intenção de voto, por isso, o candidato do “chapéu branco” foi cortado do programa. O candidato entrou com recurso na Justiça Eleitoral para participar do confronto, mas teve o recurso indeferido.

“Quando anunciamos o debate, em julho, ele concordou e assinou com os termos do programa, os quais diziam que os cinco melhores candidatos mais bem colocados iriam participar do debate. Infelizmente, na última pesquisa, ele aparecia entre os últimos”, afirmou.

Mediador

O mediador será o jornalista Carlos Tramontina, da TV Globo de São Paulo. De acordo com Luís, o primeiro bloco será de perguntas diretas de candidato para candidato. O tempo da pergunta será de 30 segundos, a resposta deverá ser dada em 2 minutos, com réplica e tréplica de um minuto, cada. No segundo bloco, as perguntas também serão feitas de candidato para candidato, mas pautado em temas definidos pela produção do debate.

“Serão 15 temas que estarão à escolha. O candidato apontará qual adversário irá responder sua pergunta. Vale lembrar que o candidato não poderá ser apontado mais de duas vezes para responder”, explicou. O terceiro bloco repetirá a metodologia do primeiro, afirmou Luís, com pergunta sobre temas livres, resposta, réplica e tréplica. O quarto bloco repetirá a regra do segundo, com perguntas baseadas em temas escolhidos pela produção, e continuará com as considerações finais. O debate da TV Amazonas terá tempo médio de 1,40 horas de duração. “Tivemos uma reunião com os representantes dos candidatos e ressaltamos a importância de usar este debate para apresentar propostas de governo. Nós esperamos que os candidatos não se deixem levar por ataques.

A estratégia de debate será deles e não poderemos intervir nesta situação”, afirmou.

Estratégias

O debate na TV Amazonas faz parte da estratégia dos candidatos de conquistarem mais votos, nesta reta final da campanha eleitoral. O candidato Marcelo Ramos (PSB) disse que continuará mostrando a proximidade e a ligação política entre os seus adversários, Eduardo Braga e José Melo, que, segundo ele, fazem parte do mesmo grupo político. “Vou manter a mesma linha de ação dos últimos debates, onde mostrei que a questão social e econômica do Estado está ruim devido a uma gestão falida que já dura uma geração”, afirmou.

Agenda

O assessor de imprensa do candidato José Melo, Tabajara Moreno, afirmou que a agenda de campanha foi cancelada hoje para o governador se dedicar ao debate. “Ele tirou esse dia para descansar a mente estudar os temas que serão abordados no debate. Ele está preparado para os ataques dos adversários, que certamente irão ocorrer”, afirmou.

Por Carlos Eduardo Matos ( Equipe EM TEMPO)

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir