Economia

Cidadania e combate à violência terão R$ 21 mi

 

O lançamento do programa reuniu representantes dos órgãos ligados ao Governo – Divulgação

O governo do Amazonas aprovou, ontem (23), o orçamento de, aproximadamente, R$ 21 milhões para o Todos Pela Vida, programa transversal criado para combater a violência e promover ações de cidadania, sobretudo de valorização da vida. O orçamento será aplicado na execução de várias ações articuladas por diversos órgãos estaduais, sob a coordenação da Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas).

O programa atuará nas áreas da cultura, educação, cidadania, esporte, segurança e meio ambiente, com atividades nas escolas estaduais aos fins de semana, prestando os serviços demandados pela comunidade. “Vamos atender à população com todos os serviços do Estado na área de educação, saúde, segurança e entretenimento. Esse programa será uma espécie de guarda-chuva de proteção às famílias e à juventude”, disse o governador José Melo.

A meta estratégica é contribuir para a redução da violência letal em 20% até 2019, ampliando a interação com a comunidade. O início está previsto para abril, com o projeto-piloto no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste, local que desde 2011 registra mais violência em Manaus, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). A iniciativa deve se estender para os demais bairros e municípios onde os índices também são alarmantes.

A primeira-dama do Estado e presidente de honra do Fundo de Promoção Social (FPS), Edilene Gomes de Oliveira, destacou a importância da iniciativa. “O programa vem sendo maturado pela equipe de profissionais e já temos um mapeamento das demandas sociais de cada região. Isso será fundamental para o êxito porque permitirá que se desenvolvam ações específicas, ou seja, se em um lugar temos uma demanda grande de DSTs, a prevenção será trabalhada com maior força”, disse.

EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir