País

Chuva forte afeta pelo menos 4,4 mil pessoas em Santa Catarina

As chuvas com vendaval ou granizo já afetaram pelo menos 4,4 mil pessoas em Santa Catarina, segundo dados preliminares da Defesa Civil do estado. O último levantamento, divulgado na madrugada deste domingo (20), aponta que 700 imóveis foram atingidos e duas pessoas ficaram feridas. Em Leoberto Leal, no Vale do Itajaí, onde 35 casas e alguns galpões foram danificadas pela chuva de granizo, foi decretada situação de emergência.

Em Corupá, 3 mil casas estão sem energia elétrica, cerca de 50 casas foram destelhadas e dois homens ficaram feridos. Em São Bento do Sul, um vendaval destelhou 30 casas, duas igrejas e duas escolas. Também houve destalhamento de 113 casas em Palhoça.

Outro município bastante afetado é Cerro Negro, com 100 casas afetadas. A cidade de Chapecó também contabiliza prejuízos, com 16 casas destelhadas e quatro torres de conjunto habitacionais atingidas.

A meteorologia prevê que o domingo será de sol entre nuvens em grande parte das regiões de Santa Catarina. As nuvens mais carregadas de chuva, que estavam estacionadas no estado, começam a se deslocar para Rio Grande do Sul. Por causa disso, nas cidades localizadas na Serra e do sul do estado, bastante castigadas nos últimos dias, ainda há possibilidade de temporais isolados ao longo do dia. A Defesa Civil continua fazendo o levantamento dos estragos causados pela chuva.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir