Mundo

Chanceler da Venezuela diz que Brasil é uma ‘vergonha mundial’

A chanceler também chamou o impeachment de “golpe de Estado” – Divulgação

A chanceler da Venezuela, Delcy Rodríguez, disse na segunda-feira (6) que o Brasil virou uma “vergonha mundial” desde o impeachment da presidente Dilma Rousseff, informou a imprensa local.

“Hoje, devemos dizer: lamentavelmente, o Brasil [é] uma vergonha mundial. Todos os dias seus políticos estão envolvidos em algum escândalo desde que deram esse golpe de Estado contra Dilma Rousseff”, disse a chanceler em uma entrevista coletiva.

“Se não é seu presidente, é algum de seus ministros ou congressistas. Isso é um concerto de corrupção, mas isso não os incomoda porque a direita imperialista estende um tapete vermelho para eles”, acrescentou.

Rodríguez também fez críticas a outros governos latino-americanos e ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, classificando políticas do país para barrar a imigração de xenófobas.

Ela chamou o presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, de “covarde” e “cachorro simpático”. O Peru, por sua vez, rejeitou as observações “insolentes” do governo venezuelano e disse que enviaria uma nota de protesto.

FolhaPress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

grupo
Subir