Economia

Cetam oferece mais de 5 mil vagas em cursos

Cursos são uma boa oportunidade para ingresso no mercado de trabalho – Divulgação

Na próxima quinta-feira (9), estarão abertas as inscrições para 5.814 novas vagas em cursos de qualificação profissional e de informática do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam). As aulas dos cursos ofertados serão realizadas no Centro Thiago de Mello e nos sete Centros Estaduais de Convivência da Família e do Idoso da capital.

Neste ano, a capacidade de atendimento do Cetam na Zona Leste será ampliada com a oferta de cursos no novo espaço do Centro Thiago de Mello, para beneficiar os moradores dessa área da cidade.

As inscrições para as oito unidades serão realizadas exclusivamente pela internet, no dia 9 de março, a partir das 8h até o preenchimento das vagas disponíveis em cada curso. Entre as aulas oferecidas estão as de informática básica e avançada, culinária, cabeleireiro, operações em logística, almoxarife e outros.

Para os interessados com a inscrição confirmada, a entrega dos documentos deverá ser realizada no período de 15 a 17 de março, diretamente na unidade selecionada.

Os cursos serão ministrados nos turnos manhã, tarde e noite e possuem carga horária variada entre 20 a 160 horas, com duração de até três meses. As aulas iniciarão no próximo dia 27 de março.

Para oferta de vagas nos centros de convivência, o Cetam mantém parceria com a Secretaria de Estado de Assistência Social do Amazonas (Seas). Para os cursos que serão realizados no Centro Thiago de Mello, o Cetam firmou parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc).

Mais atividades

De acordo com Joésia Pacheco, presidente do Cetam, os cursos de qualificação profissional representam uma boa oportunidade para ingresso ou recolocação no mercado de trabalho, e também para estimular o trabalho autônomo.

Um fator importante para expandir as oportunidades de qualificação profissional neste ano, segundo ela, foi a ampliação das atividades do Cetam no Centro Thiago de Mello. “Já temos projetos e parceiros que possibilitam a oferta de cursos para atender a demanda da Zona Leste da capital, mas agora o governo do Estado estará ainda mais presente nesta área da cidade”, afirmou.

Com informações da assessoria

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top