Esportes

Ceni faz presidente chorar com discurso e diz que G4 diminui sofrimento

Após o triunfo no Serra Dourada, o capitão fez um discurso que emocionou até o presidente do clube- foto: divulgação

Após o triunfo no Serra Dourada, o capitão fez um discurso que emocionou até o presidente do clube- foto: divulgação

Rogério Ceni, lesionado, não entrou em campo no que seria seu último jogo oficial como atleta profissional neste domingo (6). Ainda assim, foi um dos grandes personagens da vitória do São Paulo sobre o Goiás, por 1 a 0, que garantiu a vaga na pré-Libertadores ao time tricolor. Após o triunfo no Serra Dourada, o capitão fez um discurso que emocionou até o presidente do clube.

Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, deixou o vestiário chorando. “Ele falou todas aquelas palavras bonitas. Do Rogério, tudo o que falarmos é pouco”, disse o mandatário tricolor.

Ceni assistiu ao jogo das tribunas do Serra Dourada ao lado de outros jogadores não relacionados para a partida, como Luís Fabiano, Rodrigo Caio, Breno e Luiz Eduardo. Após a vitória, definida com um golaço do atacante Rogério nos acréscimos do segundo tempo, o goleiro desceu ao gramado e falou com a imprensa.

“Conseguimos o que era o nosso propósito. O torcedor são-paulino reconhece o que eles (jogadores) fizeram, se dedicaram. Não digo que essa vitória fez com que 2015 fosse um ano vitorioso, mas acredito que isso diminui um pouco o sofrimento que foi a temporada. Esse triunfo nos dá a oportunidade de reconstruir o clube e procurar coisas melhores em 2016”, disse o camisa 1.

Aos 42 anos, Rogério Ceni se aposenta após 25 temporadas defendendo a camisa do São Paulo. O goleiro foi cumprimentado até pelos adversários do Goiás, que, mesmo rebaixados, felicitaram o goleiro pela carreira após a partida.

Por Folhapres

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir